Artigos Anteriores

O STF E A INDONÉSIA

ANO XIV - Nº 007/14 -

INVESTIGAÇÕES PREJUDICADAS

Enquanto o juiz Sérgio Moro faz o que está ao seu alcance para obter provas e informações para esclarecer o assalto que o PT patrocinou aos cofres da Petrobras, já considerado como o maior roubo da história mundial, a Corte Suprema, instituição que deveria ser a guardiã da Justiça e da honestidade, de forma descarada trata de prejudicar as investigações.  Pode?

 

 

JÁ PRA CASA!

Ontem, infelizmente, como está sendo amplamente noticiado, sem dar a mínima para a sociedade que grita desesperadamente pelo fim da corrupção, três ministros do STF, constituído maioria para decidir, simplesmente mandaram para casa aqueles que poderiam contribuir para apontar os reais responsáveis pelos crimes praticados contra a Petrobras.

 

 

COMPROMETIMENTO

Queiram ou não, o fato é que os votos dados, principalmente pelos ministros Teori Zavascki e Dias Tófoli, que de antemão não escondem o comprometimento que têm para com o governo do PT, partido para o qual morrem de paixão, foram decisivos para o Habeas Corpus em favor dos investigados. 

JUSTIÇA

Confesso que tão logo li a triste notícia o meu pensamento se deslocou para a figura incansável do juiz Sérgio Moro, como que em busca de alguma reação a respeito da falta de respeito. Até porque faço parte dos mais de 70% dos brasileiros (como dizem as pesquisas) que mostram grande admiração pelo trabalho desenvolvido pelo incansável e correto representante daquilo que entendo como JUSTIÇA.   

PAIXÃO POR BANDIDOS

Pois, enquanto o governo brasileiro se esforçava de todas as formas para tentar evitar o fuzilamento do brasileiro -traficante de drogas- na Indonésia, o STF julgava o Habeas Corpus que decidia a soltura de vários investigados na Operação Lava Jato.  Ou seja, o governo brasileiro-petista (não é de hoje) gosta mesmo é de bandidos.

SUICÍDIO

A propósito: mesmo sendo um tema controverso, no meu entendimento o fuzilamento do brasileiro se resume em um SUICÍDIO. Sim, porque ele e todos que entram na Indonésia sabem muito bem que a pena para quem trafica drogas é de morte. Ou seja, quem não dá a mínima para o castigo age da mesma forma como, por exemplo, um fumante inveterado: sabe que está se matando. 

PENA DE MORTE

Finalizando: se o governo brasileiro se voltasse para controlar a corrupção, a violência, a inflação e dar maior liberdade para fazer a economia crescer, bem antes de ficar desferindo críticas à soberania da Indonésia, é provável que a nossa situação estivesse menos ruim. Mais: no Brasil a pena de morte existe. Sem julgamento. Os números dos homicídios atestam esta verdade. 

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • IGP-M DE ABRIL

    O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) acelerou de 0,98% em março para 1,17% em abril, segundo revelou hoje a FGV. Com isso, o indicador acumula alta de 3,22% no ano e o acumulado em doze meses acelerou de 3,16% em março para 3,55%. E a meta???

  • PIB DOS EUA

    O PIB dos EUA referente ao primeiro trimestre de 2015 apresentou crescimento de 0,2% na leitura trimestral anualizada. A maior parte da decepção se deu com o setor externo, que retirou 1,3 ponto percentual do PIB norte-americano, com queda de 7,2% das exportações e elevação de 1,8% das importações. Este resultado se deu por conta de uma série de fatores, como o fortalecimento do dólar no período recente e a greve do setor portuário na costa oeste observada no período. 

  • DIA DA LIBERDADE DE IMPRENSA

    Ontem, por iniciativa do deputado Nelson Marchezan Junior (PSDB), a Câmara dos Deputados realizou sessão solene em homenagem ao Dia da Liberdade de Imprensa, comemorado mundialmente em 3 de maio. Durante a cerimônia, Marchezan destacou a história de lutas e conquistas da imprensa e condenou qualquer forma de controle por meio de regulamentações, como deseja o PT.

    “Esta sessão solene constitui, ao mesmo tempo, uma celebração e um brado de alerta. Celebração porque estamos destacando a liberdade de imprensa, indispensável à democracia, os avanços da compreensão da sociedade brasileira e mundial da sua importância. Mas também o alerta, porque em vários países, inclusive o nosso, permanecem ativos os que procuram a todo o custo golpear esse direito e, se possível, extingui-lo”, alertou Marchezan, que presidiu a cerimônia. 

  • DIA DAS MÃES

    A CDL Porto Alegre e o Sindilojas Porto Alegre realizaram uma pesquisa relacionada ao Dia das Mães que projeta números estáveis para o comércio da Capital. Segundo os dados apresentados, R$ 80 milhões deverão circular no varejo, resultado semelhante ao registrado em 2014.

    Conforme a avaliação dos presidentes do Sindilojas Porto Alegre, Paulo Kruse, e da CDL Porto Alegre, Gustavo Schifino, o crescimento real será negativo, uma vez que a expectativa de inflação do mercado aponta que o acumulado em 12 meses do IPCA deve ser de 8,18% em maio deste ano. “O valor nominal em reais até poderá ser o mesmo, mas a pesquisa demonstrou, acima de tudo, a importância e a participação materna nos dias de hoje”, observou Schifino.
     

FRASE DO DIA

O PT É O PARTIDO DOS TRABALHADORES QUE NÃO TRABALHAM, DOS ESTUDANTES QUE NÃO ESTUDAM E DOS INTELECTUAIS QUE NÃO PENSAM.

ROBERTO CAMPOS