Artigos Anteriores

O BRASIL É VÍTIMA DA FÉ

ANO XIV - Nº 007/14 -

CRENÇA

Em todas as decisões que tomamos no nosso dia a dia , independente das ações enfrentadas,  é sempre preciso levar em conta a real PROBABILIDADE do ACERTO. Isto significa que a taxa de sucesso depende do tamanho da CRENÇA de que a decisão a ser tomada é a mais correta.  

 

PENSAMENTO POSITIVO

Entretanto, quando se fala apenas em CRENÇA, ou FÉ,  ou seja, de tudo aquilo que é desprovido de estudos científicos que levam a uma melhora da pontaria, aí a PROBABILIDADE DE ACERTO não passa de uma mera vontade de que todas as dificuldades serão superadas. É o tal de  OTIMISMO, ou PENSAMENTO POSITIVO. 

 

 

MERCADO

Vale dizer, portanto, que quando estamos diante de uma situação e/ou um dilema econômico, o uso da CRENÇA ou FÉ é totalmente descabida, enganosa e irresponsável. Aí, o correto (senão o único) instrumento que deve ser consultado para a obtenção de  uma possível melhora no índice de acerto é, basicamente, o MERCADO.

REMOTA

Como a economia brasileira é extremamente amarrada ao SETOR PÚBLICO, que se intromete de forma brutal no desempenho de todas as atividades, produzindo CUSTOS que além de ABSURDOS são protegidos pela Constituição, notadamente DESPESAS COM PESSOAL (FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS ATIVOS E INATIVOS),  aí a PROBABILIDADE do Brasil dar certo é praticamente REMOTA. 

VONTADE DIVINA

Mais do que sabido, quanto menos educado e esclarecido for a sociedade, maior a CRENÇA, a FÉ e a CERTEZA de que a vontade divina se fará presente para resolver os  problemas, independente da gravidade. E quando o desejo não é alcançado é porque Deus achou melhor assim. O sacrifício, portanto, é tido como vontade divina ou obra do destino. Simples assim. 

 

PESSIMISTA

Este estado de coisas me faz acreditar que no nosso pobre país a FELICIDADE está ligada exclusivamente à CRENÇA e não à CIÊNCIA. Daí que quem mais estuda e através da análise correta dos problemas propõe soluções que a sociedade conduzida pela FÉ não aceita, além de sofrer muito ainda é taxado de PESSIMISTA.  

OTIMISTA

Volto a afirmar que só serei OTIMISTA e apostarei no SUCESSO ECONÔMICO E SOCIAL DO BRASIL depois que acabarem, definitivamente, com AS CLÁUSULAS PÉTREAS, que determinam que funcionários públicos não podem ser demitidos e que seus salários não podem ser reduzidos. Isto está escrito em todos os cálculos econômicos, que podem promover a indispensável   JUSTIÇA SOCIAL que inexiste no país. 

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • IGP-M

    A segunda prévia do IGP-M de agosto apresentou variação de 0,09%, resultado em linha com o consenso (0,08%) e que representou uma desaceleração frente à inflação de 0,32% observada no mês anterior, para o mesmo período de coleta. Na abertura, destaque para a desaceleração dos preços ao produtor (de 0,15% para -0,01%), puxados tanto por um arrefecimento nos produtos agropecuários como industriais. Os preços ao consumidor registraram variação de 0,35% em agosto (de 0,29% em julho), enquanto o INCC teve inflação de 0,19% (de 1,46% no mês anterior).

  • IMPEACHMENT

    Com o encerramento dos Jogos Olímpicos, as atenções se voltam na próxima semana para o IMPEACHMENT da criminosa presidente afastada Dilma Rousseff. Estou contando nos dedos o número de dias para a DATA FATAL. 

FRASE DO DIA

O tempo deixa perguntas, mostra respostas, esclarece dúvidas, mas, acima de tudo, o tempo traz verdades.