Artigos Anteriores

UM PLANO DE RECUPERAÇÃO PARA O RS

ANO XIV - Nº 007/14 -

OS PROGRAMAS

Os programas: - O Rio Grande que Queremos ? e o - Pacto pelo Rio Grande ?, sem sombra de dúvidas, são muito bem-vindos. Diante da situação gravíssima que vive o RS, pelo menos já estamos discutindo, embora com grande atraso, algumas soluções que possam nos tirar deste atoleiro fantástico.

COMPRANDO BROCAS

Até agora, o grande comentário, que mais parece uma indagação em todas as rodas gaúchas tem sido se já teríamos chegado ao fundo do poço. Mas, na realidade, a verdade é uma só: quanto mais estamos chegando no fundo sempre aparece um empréstimo para a compra de brocas novas e grandes para aumentar a profundidade do buraco.

MELHOR PERÍODO

O período em que ocorreu alguma criatividade, e vontade, para o enfretamento dos problemas mais graves do RS foi durante o governo Britto. Uma pena que muitos dos aprimoramentos e soluções foram deixados para serem implementados no seu segundo mandato, que infelizmente não aconteceu.

O INFERNO GAÚCHO

Depois, com o fatídico governo Olívio e, mais recentemente, com o morno e pobre Rigotto, o buraco só aumentou. Nenhuma reforma foi feita para melhorar o panorama das contas públicas. Se já não era boa a situação passamos a viver mais intensamente o inferno, e não o inverno, gaúcho.

RS PREVIDÊNCIA

Gente: qualquer melhora possível das contas públicas do Estado passa pela formação desesperada de um RS Previdência. Só um Fundo previdenciário pode tirar o Tesouro da cada vez mais impossível tarefa de continuar pagando a folha dos aposentados. Um Fundo, enfim, que seja capaz de, paulatinamente, diminuir a dependência de impostos usados para pagar a conta dos aposentados do funcionalismo.

PARA PENSAR NO FERIADÃO

Esta providência havia sido tomada por Britto quando vendeu patrimônio público com este objetivo e poupou os recursos. Olívio recebeu o dinheiro e, ao invés de manter investimento, jogou tudo em despesas criadas por ele mesmo. Um inferno sem precedentes. Se os programas acima não contemplarem este ponto absolutamente importante, não há como o RS ter sucesso. Pense nisto durante este feriadão. É por aí que iniciam as soluções. O resto é comprar brocas para aumentar o buraco. Deixar o poço mais fundo.

SIMPLES

Quais as vantagens do Simples estadual para as pequenas empresas, como e quando se valer desta modalidade e como calcular? Estas e outras perguntas sobre o Simples estadual serão respondidas durante o próximo Almoço do Varejo, promovido pela CDL de Porto Alegre, no próximo dia 20 de junho. O encontro terá a participação do coordenador da equipe responsável pela elaboração do texto que resultou nesta lei de arrecadação tributária. Às 12h no Salão de Eventos do Hotel Plaza São Rafael.Informações pelo telefone: 51- 3216.8220/ 3216.8144.

CONVENÇÃO

A AGAS ? Associação Gaúcha de Supermercados promove, nos dias 20 e 21 de junho, na Universidade de Passo Fundo, a 29ª Convenção Regional de Supermercados ? Feira de Produtos e Serviços. A feira, que deve receber a participação de três mil pessoas, terá a abertura oficial às 15h do dia 20 de junho.

FARSUL

As etapas de construção do planejamento estratégico para o período 2006-2010 do sistema Farsul, formado pela Federação da Agricultura, Senar-RS e Casa Rural ? Centro do Agronegócio, foram tema de discussão do encontro que reuniu mais de 80 presidentes de sindicatos rurais e dirigentes das três entidades, nos dias 12 e 13 de junho, na Casa da Farsul, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio.

COORDENADOR

O prefeito Marcos Ronchetti de Canoas foi indicado pelo PSDB/RS para ser o coordenador da Comissão de Negociação Política com outros partidos, durante reunião da presidente estadual do partido, deputada federal Yeda Crusius, com os prefeitos e vice-prefeitos tucanos na Assembléia Legislativa. Ronchetti aceitou a missão e ressaltou que precisará do apoio de todos para cumprir esta missão. \"Para vencer uma eleição é preciso de grupo e boas coligações. Sem a pegada de todos, o trabalho fica inviável\", declarou ele.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

FRASE DO DIA

A POLÍTICA NÃO É A ARTE DO POSSÍVEL. CONSISTE SÓ EM ESCOLHER ENTRE O DESAGRADÁVEL E O DESASTROSO.

J. K. Galbraith