Artigos Anteriores

O VÔO DA GALINHA

ANO XIV - Nº 007/14 -

DEFINHANDO

O final do ano está chegando e a expectativa de crescimento do PIB brasileiro, na ordem de 4%, a cada dia vai ficando mais longe desta meta. Aliás, a cada semana o próprio Banco Central informa números sempre mais modestos. A última prévia, por exemplo, já indica que será de 3,3% o nosso crescimento de 2006.

VELHAS EXPLICAÇÕES

O curioso, mas não mais incrível, é que o presidente Lula, acompanhado pelo seu ministro do Planejamento, insiste em afirmar que o PIB crescerá 4% no ano. Mais uma vez, com toda certeza, o presidente acabará dando as velhas explicações de que outros fatores impediram o crescimento desejado. Pura bobagem.

FALTA DE INVESTIMENTOS

Embora muita gente nunca queira compreender os reais impeditivos do nosso crescimento sustentado, o certo é que não há investimentos no Brasil. Praticamente todos os recursos vão para o governo: uma metade a sociedade entrega pela via de impostos; a outra metade aplica em títulos públicos federais. Assim, não sobra coisa alguma para promover crescimento.

TEM CURA

Esta doença grave que afeta a economia brasileira tem cura? Sim, sim e sim. Depende, no entanto, de decisões firmes, inteligentes e óbvias: reformas bem feitas. Como isto não passa pela cabeça de gente incapaz, corrupta e viciada, o único espetáculo que resta há muito tempo para nós e o mundo se define claramente como: o vôo da galinha. Sempre curto.

EXPOINTER 2006

Quem surpreendeu na área de máquinas e implementos agrícolas, nesta Expointer, foi a agricultura familiar. Enquanto os produtores de grandes extensões praticamente não adquiriram coisa alguma, as pequenas propriedades foram às compras. Os pedidos, com valor médio de R$ 10 a R$ 12 mil reais para compra de máquinas, se caracterizaram como de bom desempenho, como atesta o próprio Banrisul nas operações de crédito.

DISCURSO DE CÍCERO

\\\"Uma nação pode sobreviver aos idiotas e até aos gananciosos. Mas não pode sobreviver à traição gerada dentro de si mesma. Um inimigo exterior não é tão perigoso, porque é conhecido e carrega suas bandeiras abertamente. Mas o traidor se move livremente dentro do governo, seus melífluos sussurros são ouvidos entre todos e ecoam no próprio vestíbulo do Estado. E esse traidor não parece ser um traidor; ele fala com familiaridade a suas vítimas, usa sua face e suas roupas e apela aos sentimentos que se alojam no coração de todas as pessoas. Ele arruína as raízes da sociedade; ele trabalha em segredo e oculto na noite para demolir as fundações da nação; ele infecta o corpo político a tal ponto que este sucumbe.\\\" - Discurso de Cícero, tribuno romano, 42 a.C.

VOTO NULO

O Tribunal Superior Eleitoral elaborou uma explicação mais detalhada para a questão do voto nulo. No site www.tse.gov.br, na seção -Eleições e perguntas freqüentes (FAQ)-, a resposta à pergunta nº 15 esclarece a questão citando até jurisprudência. Vale a pena conferir.

MICROCRÉDITO

Está sendo lançado hoje, 04, o Programa Municipal de Microcrédito. O programa permitirá que pequenos empreendedores locais obtenham crédito de forma ágil e simples. O Protocolo de cooperação entre a Prefeitura de Porto Alegre, Governo do Estado , Caixa-RS, Portosol, Comissão Municipal de Emprego, Instrodi, Sebrae-RS, Sesi-RS, Senai-RS, Fórum de Responsabilidade Social e Conselho do Orçamento Participativo será assinado às 14h30min no Salão Nobre da Prefeitura. Com isso será constituída uma rede de apoio e de estímulo ao empreendedorismo e ao desenvolvimento local por intermédio da concessão de microcrédito.

RECURSOS

A Caixa-RS repassará os recursos de até R$ 3,5 milhões à Instituição Portosol e a Secretaria Estadual de Desenvolvimento e Assuntos Internacionais, Instrodi, Sesi, Senai, Sebrae e a própria Caixa-RS deverão monitorar os tomadores de microcrédito, apoiando-os no desenvolvimento de seus empreendimentos.

SEMINÁRIO

O INEC - Instituto Nacional de Defesa do Consumidor e do Cidadão, com sede em Porto Alegre, e a revista Consumidor Teste, realizam nesta terça-feira, 05, o 1º Seminário de Relações de Consumo de Telecomunicações ? Região Sul. O encontro se desenvolve das 8h30min às 19 horas no Hotel Deville, à Avenida dos Estados, 1909, em Porto Alegre. O evento serve como cenário para os debates envolvendo temas importantes como cinco principais reclamações dos consumidores, representados por 50 Procons do RS e os coordenadores dos Procons do RS, SC e PR, que vão questionar as operadoras.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

FRASE DO DIA

AS GUERRAS INEVITÁVEIS SÃO SEMPRE JUSTAS.

N. Bonaparte