Artigos Anteriores

O PERFIL DA FRAQUEZA

ANO XIV - Nº 007/14 -

A COOPTAÇÃO

O pobre governador Rigotto, cheio de rompantes, esteve com o presidente Lula, ontem, objetivando obter recursos para o ressarcimento das exportações e incentivos ao setor de máquinas agrícolas do RS. Como Lula e sua assessoria conhecem bem o perfil repleto de fraquezas do nosso pobre governador, o encontro foi útil para tentar cooptá-lo eleitoralmente.

HABILIDADE SEDUTORA

Lula, com sua habilidade sedutora, fez isto com relativo sucesso. Bem à vontade, Rigotto, que só é áspero e eloqüente quando está no RS, lá em Brasília, na frente do presidente foi outro homem: dócil e compreensivo. Até concordou em assistir o jogo da Seleção junto com Lula, num ambiente cheio de sorrisos e compreensão. Só aí já se observa que está em curso um conchavo eleitoral a ser costurado.

MEIA VERDADE

O pobre governador Rigotto, com certeza tem a liberdade de dizer o que bem entende. E nós, cidadãos/contribuintes gaúchos também temos o direito de discordar, concordar ou rebater os ditos de Rigotto. Naquela velha ladainha que Rigotto usa para dizer que a situação de MG é melhor do que a nossa é uma meia verdade e meia mentira.

SEM PERSEGUIÇÃO

O pobre Rigotto vive dizendo que Minas Gerais compromete 13% da RCL para pagamento das suas dívidas junto à União, enquanto que o RS compromete 18%. Para quem não acompanha o todo fica com a impressão que há aí uma discriminação. Ou seja, somos perseguidos e prejudicados sem culpa. A realidade, porém, é outra.

UMA QUESTÃO DE OPÇÃO

Vejam, por exemplo, que a situação de MG é mais confortável porque preferiu abrir mão de seu banco estatal. A privatização da instituição estatal mineira foi a melhor saída que eles encontraram para que o comprometimento da dívida ficasse em 13% da RCL ? Receita Corrente Líquida. Já o RS, ao contrário, preferiu ficar com o seu banco estatal, e com isto comprometer 18% da RCL para com a União. Esta foi a nossa opção. Portanto, não há o que reclamar.

ENTENDENDO O RACIOCÍNIO

A grande dúvida que a maioria dos gaúchos têm, e que impede uma melhor compreensão do assunto, é o resultado da equação: venda do Banrisul versus tamanho do custo do carregamento da dívida. O Banrisul, para compensar a diferença de 13% (em MG) para 18% da RCL, precisa repassar ao Tesouro rendimentos maiores do que a diferença (5 pontos percentuais da dívida negociada). De novo: se o resultado alcançado pelo Banrisul é maior do que o acréscimo do custo da dívida em relação ao que MG tem (de 13% para 18%), não há o que reclamar, meu pobre Rigotto. Por favor, não use a má formação do povo para se queixar do que não devia, governador. Além de ficar muito feio, também identifica o seu mau preparo para o cargo.

REUNIÃO FECHADA

O Instituto de Estudos Empresariais (IEE) promove nessa segunda-feira, 26, uma reunião fechada para os associados, a partir das 19h, no Ritter Hotel, para falar sobre o tema ?Menos governo, mais desenvolvimento?, com o presidente da Mercador.com e associado honorário do IEE, Paulo Afonso Feijó.

LEITE

O presidente da Farsul, Carlos Sperotto, que ontem, 22, foi moderador da palestra Tendências empresariais de aquisição, fusão, incorporação e associação da indústria leiteira, feita por Alejandro Reca, do Rabobank, no 9º Congresso Panamericano do Leite, disse que o evento ocorre em momento ideal para o RS. \"O leite foi um dos produtos escolhidos para a mudança do perfil produtivo gaúcho\", destacou Sperotto, que representou a CNA, na abertura oficial do evento.

DIA DA INDÚSTRIA GRÁFICA

A Associação Brasileira da Indústria Gráfica no RS (Abigraf-RS) e o Sindicato da Indústria Gráfica no Rio Grande do Sul (Sindigraf-RS) comemoram neste sábado, dia 24/6, o Dia da Indústria Gráfica.

PARE PENSE

A íntegra das palestras e vídeos das apresentações do III Seminário Internacional Pare Pense, promovido pela ONG Parceiros Voluntários, em parceria com o Consulado Geral dos Estados Unidos da América em São Paulo, estarão disponíveis no endereço eletrônico: www.parceirosvoluntarios.org.br/pare_pense_2006, a partir de segunda-feira, 26.

PROMOÇÃO

A Microsoft está com uma série de campanhas e promoções imperdíveis para o último mês do nosso ano fiscal! - Migração de Windows NT 4.0 para Windows Server 2003 e CAL - 15% de desconto - Migração de Exchange 5.5 ou Lotus Notes para Exchange Server 2003 + CAL - 15% de desconto - Migração de Office 97 para Office 2003 - 15% de desconto - Vista Velocity - 180 dias para compra de Software Assurance após aquisição de Windows XP Pro em OEM - Vista Velocity L+SA - 30% de desconto sobre valor da licença do Windows XP Pro quando adquirido junto com Software Assurance - 15% de desconto nas compras de Office 2003.Consultas e informações sobre prazo de pagamento e demais condições comerciais pelos fones: (51) 2111.1600 Fax: (51) 2111-1605

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

FRASE DO DIA

É PRECISO VIVER, NÃO APENAS EXISTIR.

Plutarco