Artigos Anteriores

A TÍTULO DE COLABORAÇÃO

ANO XIV - Nº 007/14 -

AJUDANDO LULA

Quero imaginar e até respeitar as declarações dadas anteriormente, por Lula, de que não sabia de coisa alguma, quanto aos atos de corrupção que o seu partido vem protagonizando com denúncias cada vez mais sérias. Proponho que, por ser amigo de Silvinho Pereira, deveria ouvi-lo, já que os denunciantes e acusados anteriores não lhe despertaram curiosidade.

TOMAR CONHECIMENTO

Pronto. Sem dramas e mais interessado em ajudá-lo a evitar novas declarações insensatas, proponho que ouça o que tem a dizer o seu antigo colaborador. Pelo tempo que se conhecem tenho absoluta certeza de que muitas revelações serão importantes e suficientes para que Lula se inteire definitivamente dos acontecimentos. E pare de dizer que não sabe e que não sabia.

SEM OFENSAS

E que, finalmente, tome as providências que entenda como necessárias. Mas, por favor, presidente Lula: não deixe que chamem Silvinho, antecipadamente, de atormentado, louco, desvairado e desesperado, sem antes ouvi-lo. Quem sabe os doentes perigosos sejam aqueles que o acusam disto. Ouça o Silvinho, Lula. Vai lhe fazer mais esclarecido.

LOST

O governador Rigotto deveria deixar a política e se candidatar a ator do seriado de TV, - Lost -. Até porque, nunca vi um personagem tão perdido. As coisas que estão ao seu alcance, e que deveria cuidar e resolver, com certeza não fazem parte de sua agenda. Exemplo: as obras do cais do porto, que não decolam, em Porto Alegre. Isto, que está bem ao seu alcance e é necessário, simplesmente não faz.

TUDO É ARTIFICIAL

Por outro lado, sem qualquer sugestão séria e capaz, prefere ficar incitando vários segmentos produtivos a irem com ele à Brasília, para tentar reverter os prejuízos atribuídos à valorização do real em relação ao dólar. E o que mais chama a atenção é que Rigotto continua afirmando que a valorização do real é artificial. Pode?

MÁGICO

Pelo visto, Rigotto já tem solução para o câmbio e para os preços das commodities. Deve ser alguma coisa milagrosa, penso eu. Creio que exigirá do governo federal que compre todos os grãos produzidos no RS ao preço que ele estipular. E mais: vai dizer também qual o valor do dólar a ser praticado em tais compras. Se não está perdido, deve estar sonhando ou, quem sabe, virou mágico.

SER CELESTIAL

Rigotto, ou Lost, entre tantas coisas, precisa se decidir: quando as exportações vão bem, ele se desespera dizendo que não tem como compensar o ICMS das exportações; quando os preços estão baixos, o que lhe dá vantagem aos consumidores e menos trabalho financeiro, diz que o câmbio é artificial e que se resolve com movimentos de reivindicação. Com a palavra o Lost.

BÚSSOLA

Já sei: Rigotto quando tomar conhecimento destes assuntos que estou expondo vai praguejar e se vingar dizendo que aí está a razão para que o PONTOCRITICO. COM não deva ser usado como veículo para anunciar produtos e serviços das estatais do RS. Ao invés de comprar uma bússola vai preferir continuar perdido. E muito perseguidor.

COPA 2006

A Claro disponibilizará uma série de serviços e conteúdos especiais para os amantes do futebol antes e durante a Copa 2006. A operadora fechou acordos e preparou um portfólio especial para que seus clientes aproveitem o mundial com muita mobilidade. Os assinantes vão conferir os conteúdos pelo Portal WAP Claro Idéias e fazer downloads (WAP e WAP Push) de verdadeiras pérolas do futebol. Nos downloads, os grandes destaques são os protetores de tela e papéis de parede de Pelé e ?FIFA® 100 Anos?.

JUNIOR ACHIEVEMENT

O empresário Jaime Wagner assume a presidência da Associação Junior Achievement (AJA-RS) do RS, no dia 15 de maio. A cerimônia de posse ocorre no Hotel Sheraton, às 19 horas, durante a Assembléia Geral da entidade. A AJA completa 11 anos em 2006, somando cerca de 500 mil alunos beneficiados em seus quatorze projetos implantados em escolas públicas e particulares. Somente no ano passado, 47 mil estudantes participaram dos programas desenvolvidos pela entidade.

DELIBERAÇÃO

A Gerdau comunica que seu Conselho de Administração, em reunião realizada ontem, 08, deliberou revogar, tornando sem efeito, a autorização que implicou na fixação de royalties sobre o uso da marca GERDAU.

TÁ NA MESA

A empresária Chieko Aoki, presidente da Blue Tree Hotels, é a palestrante do Tá na Mesa da Federasul desta quarta, dia 10 de maio. A convidada falará sobre \\\\\\\"Os desafios da liderança em ambiente multicultural\\\\\\\". A reunião-almoço começa às 12h30min. Antes disso, às 11h30min, haverá a entrevista coletiva à imprensa.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

FRASE DO DIA

A MELHOR PREGAÇÃO É A DO BOM EXEMPLO.

Adágio Popular