Artigos Anteriores

A PROMESSA DE DILMA

ANO XIV - Nº 007/14 -

NO CAMINHO ANUNCIADO

Hoje, sem qualquer possibilidade de erro, arrisco a dizer que não há um apaixonado pelo comunismo que consiga negar que a Venezuela está vivendo uma crise sem precedentes. O mesmo vale neste momento, também para a Argentina e, dentro de pouco tempo, infelizmente, valerá para o Brasil.

CULPADO

Pois, mesmo sem a mínima possibilidade de negar a existência da crise, todos que comungam da mesma ideologia do atraso seguem convencidos de que o grande e único culpado pela péssima situação que vive aquele empobrecido país é o CAPITALISMO. Só que, pelos fatos e imagens, a realidade não admite qualquer disfarce: quem está acabando, de fato, com a Venezuela é tão somente o comunismo.

ESTRANHO

O que soa como muito estranho é que enquanto alguns corajosos venezuelanos estão indo às ruas para protestar contra o comunismo instalado por Hugo Chavez, e mantido a ferro e fogo pelo seu sucessor, Nicolas Maduro, aqui no Brasil muitos brasileiros, de várias facções, estão indo às ruas para exigir que seja colocado em prática os ideais comunistas. Pode?

PREOCUPANTE

O mais preocupante nisso tudo, para não dizer lamentável, é que um grande número de brasileiros (inclusive muitos empresários) ainda se mostra resistente e convencido de que o Brasil não corre o risco de chegar ao mesmo nível que países liderados por membros do Foro de São Paulo, como é o caso nítido de Cuba, Venezuela e Argentina, para ficar só com estes exemplos.

COMPARAÇÃO

Para melhor entender esta terrível descrença de que o perigo é iminente, nada melhor do que comparar com a Bolha Imobiliária, cujo efeito arrasou várias economias de primeiro mundo: ninguém duvidava de que o desastre viria a acontecer, mas muitos analistas diziam que um eventual estouro da Bolha só aconteceria depois de 2008. Resultado: como aconteceu em 2008, aí já era tarde...

CENSURA

Mas, voltando ao que está acontecendo na Venezuela, pelo fato de estarem fortemente censurados os meios de comunicação, o pouco que está sendo divulgado não traduz minimamente o drama que assola àqueles que se manifestam contra o governo Maduro. Algumas fontes, no entanto, informam que a Venezuela vive um verdadeiro ESTADO DE GUERRA CIVIL. Diversos vídeos postados nas redes sociais dão conta de que o governo de Nicolás Maduro está abrindo fogo contra os manifestantes.

PROMESSA

Sei, perfeitamente, que depois de ler este editorial não faltarão aqueles que dirão que estou exagerando e/ou que estou vendo chifres em cabeça de cavalo. Pois, como admito que este tipo de reação é possível, dou uma informação final: a presidente Dilma, na sua recente visita à Cuba fez uma promessa ao povo cubano: prometeu um Brasil verdadeiramente SOCIALISTA, caso vença as eleições em 2014! Que tal? Convencidos????

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • CAPITAIS NO EXTERIOR
    O número de declarantes do CBE (Capitais Brasileiros no Exterior) ano-base 2012 aumentou 21,7% em relação ao ano-base 2011 e ultrapassou vinte e seis mil declarantes, a maior participação já registrada. Em comparação ao primeiro CBE, ano-base 2001, o número de declarantes aumentou 127%. Declararam o CBE ano-base 2012 - 23.179 pessoas físicas ? expansão de 19,4% em relação ao anterior ? e 3.255 pessoas jurídicas ? aumento de 41,4% na mesma base de comparação. O crescimento do número de empresas declarantes decorreu, principalmente, das modificações relativas aos ativos de crédito comercial. Nas edições anteriores, para essa modalidade, foram considerados como ativos externos de declaração obrigatória no CBE apenas aqueles de prazo de liquidação igual ou superior a 180 dias; na edição atual, houve redução desse prazo para 30 dias.(dados fornecidos por Ricardo Bergamini)
  • RESULTADO ECONÔMICO
    O CBE apurou ativos totais de US$356 bilhões para o ano-base 2012, expansão de 27% em relação a 2011. Destacaram-se os investimentos brasileiros diretos no exterior (IBD), que atingiram US$266,3 bilhões, crescimento de 31,4% na mesma base de comparação. Os investimentos em carteira somaram US$22,1 bilhões (redução de 22,3% em relação a 2011), os derivativos US$555 milhões (redução de 16,9%) e os outros investimentos totalizaram US$67,1 bilhões (aumento de 38,2%). O estoque de imóveis no exterior atingiu US$4,6 bilhões, ante US$3,6 bilhões na posição de 2011.
  • LIQUIDA PORTO ALEGRE
    Levantamento realizado pela CDL POA aponta que o final de semana (dias 15 e 16) foi de recuperação para o Liquida Porto Alegre. Graças ao fluxo de consumidores no varejo no sábado e domingo foi possível recuperar 10% das vendas perdidas em razão da paralisação dos rodoviários nos sete primeiros dias da promoção.
  • TOP OF MIND
    Amanhã, 19, serão reveladas quais são as marcas mais lembradas pelos consumidores da capital gaúcha, conforme a pesquisa Top of Mind Porto Alegre, realizada pela Revista Porto Alegre é TOP, editada pelo Grupo Amanhã, em parceria com a Segmento Pesquisas.

FRASE DO DIA

Para sentir as coisas é preciso emoção. Para fazê-las e desfazê-las é necessária uma certa dose de paixão. Mas entendê-las, só com a razão.

Roberto Campos