Artigos Anteriores

TREM FANSTASMA

ANO XIV - Nº 007/14 -

PARQUE DE DIVERSÕES

Hoje já é de domínio público que para ganhar confiança e fazer a alegria de seus frequentadores, tão logo assumiu a presidência, em 2002, o Brasil ganhou contornos de um enorme Parque de Diversões.

 

ÀS FAVAS

Como a arrecadação com a venda de ingressos (BILHETERIA) rapidamente se tornou insuficiente para bancar o elevado custo das diversas atrações -populistas-, o governo petista simplesmente mandou às favas o Orçamento Público e a Lei de Responsabilidade Fiscal.

BALAS E ALGODÃO DOCE

Ao longo dos anos de mandato de Lula e Dilma, enquanto o povo, maravilhado, corria de um lado para outro querendo experimentar todas as atrações disponíveis, o governo petista tratava de distribuir balas, refrigerantes e muito algodão doce aos frequentadores. Em troca recebia elogios misturados com aplausos, como manda a boa educação de quem recebe um brinde.

TREM FANTASMA

Como não existe Parque de Diversões sem o indefectível -Trem Fantasma-, atração considerada como -tradicional-, o PT, provavelmente sem notar, fez deste equipamento indispensável,o meio de transporte -obrigatório- para levar os frequentadores para fora do ambiente de entretenimento.
 

RETORNO À REALIDADE

Ora, como sempre chega o momento em que é preciso sair da fantasia para voltar à realidade, o Trem Fantasma está cumprindo, com absoluto rigor, esta tarefa, ou processo. E o que todos estão vendo, neste final de 2015, são coisas realmente horripilantes, como, por exemplo,:

ALGUNS NÚMEROS DO TERROR

1- Inflação beirando 10%;
2- Câmbio em torno de 4 reais;
3- Taxa de Juros acima de 14% ao ano.
4- PIB caindo mais de 3%.
5- Déficit Primário acima de 50 bilhões de reais; e
6- Déficit Nominal acima de 350 bilhões de reais.
 

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • IPCA-15

    O IPCA-15, prévia da inflação oficial do país, subiu 0,66% em outubro, após ficar em 0,39% em setembro. Com o resultado, o indicador acumula altas de 8,49% no ano e de 9,77% em 12 meses.

  • AÇÃO COLETIVA

    Atenta às necessidades da população atingida pelas fortes chuvas e pelas enchentes nos últimos dias, a Associação Gaúcha de Supermercados (Agas) está convidando os supermercados do Estado a se engajarem em uma ação coletiva de socorro aos desabrigados. Em parceria com o Banco de Alimentos de Porto Alegre, a Associação está conclamando as empresas de segmento de supermercados a firmarem parcerias com os clubes de serviços de cada município, como Rotary, Lions e outros, para promover um grande "Sábado Solidário" no próximo dia 24 de outubro.

  • CAPACITÁ - 20 ANOS

    Amanhã, 22, a Capacitá completa 20 anos de  trabalho, dedicação, desafios e conquistas junto a clientes, parceiros e fornecedores. Um momento único e especial permeado pela arte, música, tecnologia e gastronomia multicultural. A comemoração das duas décadas de atuação da Capacitá no mercado de organização de eventos corporativos será na casa NTX.  Parabéns!

     

  • PELO FIM DE SUBSÍDIOS A GOVERNADORES

    É preciso apoiar, de forma irrestrita, o PROJETO DE LEI da Deputada Any Ortiz, do RS, que acaba com concessão de subsídios a ex-Governadores. Eis o que propõe a deputada:



    Altera a Lei nº 7.285, de 23 de julho de 1979, que dispõe sobre a concessão de subsídios a ex-Governador e dá outras providências.

    Art. 1º – Dá nova redação ao caput do art. 1º da Lei nº 7.285, de 23 de julho de 1979, que passa a ser a seguinte:

    “Art. 1º - Ao ex-Governador do Estado, que haja exercido o cargo em caráter permanente, fica assegurado um subsídio, mensal , a título de representação, igual ao vencimento do Desembargador do Tribunal de Justiça do Estado, limitado ao período de quatro anos, imediatamente posterior ao término do mandato.”

    Art. 2º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, aplicando-se os seus efeitos a partir de 1º de janeiro de 2019.

    Art. 3º – Revoga o art. 2º da Lei nº. 7.285/79.



    Deputada Any Ortiz

     

FRASE DO DIA

A crise da educação no Brasil não é uma crise : É um projeto.

Darci Ribeiro