Artigos Anteriores

SÓ OS TEIMOSOS PERMANECEM

ANO XIV - Nº 007/14 -

NA FÍSICA E NA JURÍDICA

Não foram poucas as vezes em que chamei a atenção dos nossos assinantes de que não havia boas razoes para permanecer no RS. Tanto na pessoa física quanto na jurídica. Esta minha convicção, que já era muita clara e precisa, ficou agora bem mais evidente. Agora, gente, está sobrando argumentos para identificar o RS como um Estado de calamidade pública.

ANEMIA

O RS, infelizmente, sofre de anemia crônica. O problema não é falta de receita. É, exclusivamente, de excesso de despesas. Despesas enormes que foram criadas e aprovadas por uma série de governantes incompetentes e interesseiros que foram totalmente garantidas pela Constituição.

FINANCIADORES

Não é possível que os cidadãos comuns, representados por aqueles que trabalham da iniciativa privada e por quem não trabalha por qualquer motivo, tenham o dever Constitucional de pagar pelos privilégios e outras vantagens reconhecidas como direitos adquiridos de algo como 3% da população. Isto não é possível em hipótese alguma. Se algum direito é adquirido, que seus beneficiários tratem de financia-los com recursos saídos de seus próprios bolsos.

DE TODAS AS FORMAS

A situação do RS, depois do NÃO retumbante ao aumento do ICMS, se resume da seguinte forma: caso tivesse sido aprovado o pacote de aumento do ICMS, motivos não faltariam para os gaúchos fazerem as malas e cair fora imediatamente do RS, pela perda de competitividade que os impostos impõem. Como o governo ficou sem o aumento do ICMS outras razões ajudam na decisão de não permanecer no RS.

MEIO AMBIENTE

Uma delas é a dificuldade apresentada para aprovar projetos na área ambiental que até então já era um verdadeiro parto. Se a Fepam já dificultava de todas as formas a aprovação de qualquer intenção de investir no RS, o Ibama vai fazer de tudo para que nenhuma empresa se estabeleça no Estado.

RECADO

Portanto, mais este recado está dado: quem, por pura teimosia, ainda quiser viver no RS já sabe: vai precisar pagar o rombo. Como já se imagina, os privilegiados não vão recuar um centímetro. Vão espernear até o circo pegar fogo. Nas cortinas ele já começou.

IPEA

Economista que faz críticas ao governo e que esteja lotado no IPEA é perseguido e removido. E tem gente que não crê que Lula não é diferente de Chávez. Decisões como estas definem que o Foro de São Paulo está agindo há muito tempo por aqui. Viva!

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • AÇÕES SORTEADAS
    Quem for a Expo Money Porto Alegre pode sair com R$ 1.000,00 em ações da Petrobras ou da CSN sem gastar um tostão. Ao final de cada palestra (serão duas da Petrobras e uma da CSN) será dado este valor em ações para a pessoa que responder corretamente as três perguntas que serão feitas pelo palestrante. A sugestão é ficar bem atento a tudo o que for dito nas palestras que ocorrem nos dias 21 e 22 de novembro. Para se inscrever na Expo Money basta entrar no site www.expomoney.com.br/rs2007 e preencher o cadastro. O evento ocorre no prédio 41 da PUCRS e tem entrada franca.
  • SEMINÁRIO
    O Senac/RS promove, nos dias 22 e 23/11, o seminário Marketing de Vendas. O evento será constituído por duas mesas-redondas formadas por especialistas no segmento que irão abordar os temas ?Competências necessárias do profissional de vendas no novo milênio?, no dia 22; e ?Técnicas de venda para negociação?, no dia 23. Os encontros ocorrem às 19h30min, na sede da Faculdade de Tecnologia Senac (Fatec). Informações podem ser obtidas pelo (51) 3022.1044.
  • GRUPO GERDAU
    O Grupo Gerdau assinou, em 18 de novembro, um acordo definitivo para a aquisição da operação siderúrgica MACSTEEL, pertencente à Quanex Corporation, por US$ 1,458 bilhão em dinheiro, mais a assunção de dívidas e passivos específicos. Esse investimento faz parte da estratégia de crescimento global do Grupo Gerdau no mercado de aços longos especiais, cujo principal cliente é a indústria automotiva. A aquisição será paga por meio de geração de caixa própria.
  • CARTILHA
    Uma cartilha, com distribuição gratuita, vai alertar a população para o perigo dos produtos de limpeza fabricados de forma clandestina no RS. O livreto, ?Orientações para os consumidores de saneantes?, será lançado hoje, 19, às 15h, no Salão de Convenções da Fiergs e pretende mostrar os graves riscos para a saúde pública decorrentes da utilização de desinfetantes, água sanitária, inseticidas, amaciantes, detergentes e raticidas piratas. A promoção é do Sindicato das Indústrias Químicas no Rio Grande do Sul (Sindiquim/RS), em parceria com o Centro Estadual de Vigilância em Saúde do Estado (CEVS) e o Setor de Cosméticos e Saneantes. O evento prossegue no dia 20, com um ciclo de palestras para profissionais da área de química e de saúde pública. Os participantes receberão informações para que as empresas desenvolvam produtos seguros e com rigoroso controle de qualidade.

FRASE DO DIA

QUANDO O BARCO COMEÇAR A AFUNDAR, NÃO REZE. ABANDONE-O.

Max Gunther