Artigos Anteriores

SEMANA DE ANIVERSÁRIO

ANO XIV - Nº 007/14 -

DUAS DATAS

O aniversário, ao contrário do que muita gente considera, é o encontro de duas datas importantes: a primeira, que chamamos de véspera, dá por encerrado o ano que finda; e, a segunda, destinada aos festejos, é a que dá início a entrada no novo ano.

CALENDÁRIO

Quem transparece de melhor forma esta realidade é o próprio calendário: enquanto o dia 31 de dezembro dá por encerrado o ano que passou, o 1º de janeiro dá a partida para o novo período.

FECHAMENTO DA DÉCADA

Dentro dessa lógica matemática, a edição de hoje é aquela que, de forma especial, encerra o período que fecha os 10 anos de existência do Ponto Crítico. Ao longo desta década, somando todos os editoriais publicados diariamente no site (www.pontocritico.com), os quais são numerados por ano transcorrido, foram mais de 2300 artigos.

INÍCIO

Vejam que no início, lá em 2001, quando a internet ainda era um instrumento de uso muito restrito, o número de assinantes não ultrapassava uma centena. Hoje, depois desses 10 anos, são mais de 45 mil assinantes cadastrados mundo afora que recebem as edições, diariamente, nas suas caixas de mensagens. Isto sem considerar quem prefere o acesso direto ao site.

INTERNET

De novo: foi graças à Internet, esta maravilhosa invenção eletrônica, que o Ponto Crítico se tornou possível como um meio de comunicação. Até então, qualquer comentário ou opinião que não fosse publicado em algum jornal ou revista só poderia se tornar conhecido do público através de palestras realizadas em reuniões, congressos e seminários.

LIBERDADE DE EXPRESSÃO

Hoje, como é sabido, assim como há quem emita opinião, também há quem se interesse por conteúdos ágeis. Concordar ou não com as opiniões postadas, no entanto, só cabe ao leitor. Afinal, a liberdade de expressão tem duas mãos: serve para quem emite opinião e para quem se contrapõe.

PENSAMENTO LIBERAL

Entretanto, ao longo desses 10 anos, que hoje se encerra, em momento algum os leitores/assinantes do Ponto Crítico foram enganados. Concordando ou discordando, no todo ou em parte, com a linha editorial da e-opinion, em momento algum a credibilidade foi colocada em dúvida. Em todos os comentários ficou claro o convencimento e comprometimento do editor para com os fundamentos do pensamento liberal.

HOMENAGENS

Como estamos em plena Semana de Aniversário, os editorias dos próximos dias vão destacar os fatos mais importantes que marcaram o encerramento do Ano 10, assim como o que vem pela frente a partir do Ano 11. Entendo que esta é uma boa forma para homenagear todos aqueles que inspiraram, viabilizaram e consagraram a existência do Ponto Crítico. Acompanhem.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • MOVIMENTO BRASIL EFICIENTE
    Está marcado para a próxima segunda-feira, 17, às 10h, no Auditório do Ministério Público, Praça da Matriz, 110, em Porto Alegre. É importante que todos que apreciam a eficiência participem.
  • REAGE BRASIL
    No dia 21 de outubro, a partir das 10h, acontece, em Santa Maria, RS, uma Manifestação - REAGE BRASIL -, contra a corrupção que campeia o Brasil. A ação é capitaneada pelo CDL, através de seu presidente José Gonçalves de Lima e mais 20 entidades que formam o FEESM. Devemos apoiar, certamente. A passeata partirá da frente do Colégio Centenário/FAMES indo pela rua do Acampamento até o Viaduto Evando no centro da City.
  • IGP-M
    O IGP-M registrou alta de 0,45% na primeira leitura do mês de outubro. Para o mesmo período de apuração do mês anterior, a variação do indicador, apurado pela Fundação Getulio Vargas, foi de 0,43%.
  • SEM EXPRESSÃO
    O Brasil é inexpressivo em todas as categorias do Prêmio Nobel, inclusive se comparado com os países, tanto do Bloco BRICS quanto da América Latina.Levando-se em conta apenas o local de nascimento dos premiados, o Brasil é listado apenas uma vez entre os mais de 800 laureados do Nobel desde 1901. A Rússia, entretanto, é citada 17 vezes como país de nascimento de pessoas laureadas em todas as seis categorias do Nobel - física, química, literatura, paz, medicina e economia. AChina e a África do Sul têm, cada uma, oito nativos premiados. Entre outros, na África do Sul aparecem Nelson Mandela, Frederik de Klerk e o bispo Desmond Tutu, laureados com o Nobel da Paz pela contribuição à igualdade racial no país. A Índia é o país natal de sete premiados (descontados os vencedores nascidos em áreas hoje pertencentes ao Paquistão.)Na América Latina, seis países já foram agraciados com prêmios Nobel, com destaque para a Argentina, onde nasceram quatro vencedores - dois na categoria Medicina, em 1947 e 1984, e dois na categoria Paz (Adolfo Pérez Esquivel, em 1980, por seu trabalho de promoção dos direitos humanos, e Carlos Saavedra, em 1936, por sua mediação, enquanto chanceler, da Guerra do Chaco, entre Bolívia e Paraguai). O México é o país de nascimento de três premiados, incluindo o escritor Octavio Paz, Nobel de Literatura em 1990. Há escritores agraciados com a premiação também no Chile (Pablo Neruda e Gabriela Mistral), no Peru (Mario Vargas Llosa) e na Colômbia (Gabriel García Márquez). A Costa Rica se destaca com o Nobel da Paz entregue em 1987 ao ex-presidente Oscar Arias, por colaborar com os esforços de pacificação da América Central.Os EUA é o país com o maior número de cidadãos premiados: 242, incluindo Thomas Sargent e Christopher Sims, que nesta segunda-feira foram anunciados como os vencedores do Nobel de Economia.

FRASE DO DIA

Quem diz que não pode ser feito nunca deve interromper aquele que está fazendo.

Desconhecido