Artigos Anteriores

RISCO EUROPEU

ANO XIV - Nº 007/14 -

TRATADO DE MAASTRICH

Se a Grécia foi o primeiro país da zona do Euro que mostrou não ter as mínimas condições para ser sócio do clube, outros, mais antigos, também enfrentam a mesma dificuldade, qual seja de não conseguir cumprir a principal regra definida pelo Tratado de Maastrich.

PEPINOS

Na realidade, todos os países considerados problemáticos financeiramente, na União Européia eram vistos como países com características de terceiro mundo. Portanto, ninguém está surpreso com o fato de Portugal, Irlanda, Grécia, Espanha, que formam um sub-bloco chamado PIGS, estarem com a horta cheia de pepinos.

DÉFICIT TOLERADO

No início, pelo compromisso firmado pelos governos dos países que formam hoje o tal PIGS, o Banco Central Europeu até acreditou que todos iriam cumprir a regra que tolera um déficit público em, no máximo 3%.

CULTURA

Ora, quem conhece um pouco da cultura e os costumes de alguns povos sabe o quanto é difícil uma mudança de comportamento quando a convicção não é assimilada. Neste particular, nós brasileiros podemos falar de cátedra, como grandes mestres.

BÉLGICA

Pois, para surpresa de muita gente, os respingos desses mesmos problemas chegaram à Bélgica. Mesmo que a administração fiscal daquele país seja considerada sólida, ainda assim a agência de classificação de risco, Fitch Ratings, revisou a nota para uma perspectiva negativa. Francamente não sei onde vão colocar a letra B na sigla do PIGS para que a Bélgica possa ser identificada como país com complicações à vista.

EXPLICAÇÃO

A Fitch, entretanto, esclareceu que sem um acordo político sobre a reforma constitucional será difícil a Bélgica atingir um orçamento equilibrado, como previsto no Programa de Estabilidade. Isso exigiria superávit orçamentário nas categorias menores do governo e/ou reformas previdenciárias significantes. Como uma redução sustentável da dívida exige reformas fiscais, assim como disciplina fiscal nos próximos anos, isto depende de um novo governo com um novo mandato, que precisa atacar o problema.

ZONA DO EURO

Bem, o fato é que o número de países europeus com problemas financeiros de curto, médio e longo prazo está crescendo. E quem está com a maior dor de cabeça é a Alemanha, a França e a Inglaterra, principalmente. Se fosse possível cair fora da Zona do Euro, esta iniciativa já teria sido tomada.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • CENÁRIO
    O envelhecimento da população, o aumento da renda média do brasileiro e a melhoria na educação terão grande influência no comércio de bens e de serviços ao longo da próxima década. A conclusão é do estudo - O Novo Cenário Socioeconômico e seu Impacto sobre os Negócios -, divulgado hoje pela FECOMÉRCIO/RS, que apresenta projeções a respeito do consumidor gaúcho do futuro e prováveis transformações nos setores envolvidos.
  • O VALOR DO IMPOSTO
    Amanhã, 25, será comemorado o Dia da Liberdade de Impostos em Porto Alegre. A ação, organizada pelo Instituto de Estudos Empresariais (IEE), pela Associação da Classe Média (ACLAME) e pelo Instituto Liberdade (IL), tem como objetivo chamar a atenção da população para a alta carga tributária que incide em todos os produtos que consumimos.Serão custeados pelos promotores do evento, cinco mil litros de gasolina sem o custo dos impostos, no posto Firense Combustíveis (Rua Santana, 345), a partir das 10h. O valor será de R$ 1,40/litro. Com isso espera-se que os consumidores entendam que o desconto de 53,03% (sobre 2,89/litro)(significa o valor dos tributos, percentual calculado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT). Cada motorista terá direito a comprar 20 litros por carro e haverá distribuição de senhas no local a partir das 8h. A carga tributária da gasolina vendida, repito, será integralmente paga pelas entidades organizadoras ao dono do posto Firense.
  • FENASUL
    Pela primeira vez, o Banrisul vai financiar, com recursos próprios, a compra de matrizes bovinas de leite aos pequenos produtores enquadrados no Pronaf, com juros que variam de 1% a 4% ao ano. Essa é a novidade para a 7ª edição da Fenasul, que acontece de 26 a 29 de maio, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio.
  • FESTIVAL AFRICANO
    Em homenagem ao Dia Mundial da África, o chef senegalês Mamadou Sène divide as caçarolas do Bistrô Porto Alegre com o Chef Mauro Sousa, para o Festival Gastronômico Africano do Sheraton. Os alquimistas da alta culinária preparam um vasto cardápio, com pratos típicos de países como Marrocos, Tunísia, África do Sul e Senegal. Os almoços e jantares acontecem de quinta a sábado, repleto de especiarias, temperos e aromas de uma cozinha multicultural, com influências árabes, européias e asiáticas. A arte africana será representada por um grupo de Guiné Bissau, que fará apresentação com música e danças típicas do grande continente.

FRASE DO DIA

O silêncio é um dos argumentos mais difíceis de se rebater.

Josh Billings