Artigos Anteriores

PRIVATIZAR É UM ATO DE CIDADANIA

ANO XIV - Nº 007/14 -

PREÇO DE BANANA?

Não foram poucas as vezes em que a turma do PT, e os esquerdistas em geral, se aproveitando da ignorância do povo brasileiro saiu gritando aos quatro ventos (continuam gritando) dizendo que a Vale, e outras poucas empresas públicas que hoje estão sendo administradas pela iniciativa privada, foram vendidas a preço de banana. Melhor: todas saíram quase de graça aos seus compradores. 

EFICIÊNCIA E PRODUTIVIDADE

Ainda que estejamos diante de uma grande mentira, o fato é que com aquelas poucas privatizações a sociedade brasileira ganhou enormemente. Observem que as empresas e/ou concessões, ao serem privatizadas, ganharam algo que jamais haviam conquistado: eficiência e produtividade.

Com ambas os resultados passaram a ser animadores para todos: acionistas e cidadãos pagadores de impostos.

RISCO E VANTAGENS

Mais: o risco do negócio, que até então era do povo brasileiro, passou a ser, exclusivamente,  dos novos acionistas. E com mais eficiência e produtividade o governo ainda resultou  extremamente beneficiado por obter maior arrecadação.
 

EXEMPLO MAIOR E INEQUÍVOCO

Independente dos argumentos lógicos até aqui colocados, quem colabora de forma absolutamente inequívoca do quanto as privatizações são importantes e necessárias, é o próprio governo.  Através da situação calamitosa da Petrobrás, que só chegou a tanto por pura vontade dos petistas, liderados por Lula e Dilma, que só se preocuparam em saquear a estatal.
 

ESPERTAMENTE MENTIROSOS

Portanto, ainda que o controle acionário da Vale tivesse sido vendido à iniciativa privada a preço vil, como preferem os petistas e esquerdistas em geral por serem espertamente mentirosos e aproveitadores, a Petrobrás foi além de tudo que se possa imaginar: foi simplesmente liquidada pelos próprios bandidos que o governo colocou para comandar a empobrecida estatal do petróleo.
 

CONTENÇÃO DE GASTOS?

Pretendendo mostrar que tipo de administração pública sabe imprimir, este governo mega-intervencionista, diante de uma crise fiscal sem precedentes, onde a contenção de gastos é imperiosa, aceita e propõe aumento de salários aos seus servidores de forma absurda. Bela economia, não?

Em tese: quem administra desta forma as contas públicas, o que se pode esperar que faça com as empresas públicas que estão sob o seu comando? Nada mais do que o caos...

A propósito: você, leitor, entregaria a sua vida para ser administrada pela Graça Foster????

 


 

ATESTADO DE INCAPACIDADE DE RACIOCÍNIO

Contribuo, para finalizar, que através do raciocínio lógico é possível fazer com que mais pessoas  defendam as  privatizações. Basta observar que o pré-requisito para alguém chegar a ser um CIDADÃO é ter MATURIDADE e DISCERNIMENTO.  Maturidade, por convenção, é obtida pela idade; e Discernimento, pela educação (escolaridade).

Portanto, apenas pelo uso do discernimento não há como admitir a existência de empresas estatais. Quem age de forma contrária está dando um atestado de absoluta incapacidade de raciocinar. Que tal? 

A venda do Banrisul, por exemplo, seria altamente benéfica para o RS. Antes de tudo, a venda do banco estatal já representaria um excepcional ganho de inteligência do povo. Demonstraria que teria obtido, finalmente, um grau avançado de educação.
 

 

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • BOQUINHA

    Antes de dificultar a venda das estatais o povo deveria dificultar a criação de novas empresas públicas. É preciso aprovar leis que impeçam a criação de estatais. Até porque já ficou evidente a razão pela qual muita gente não admite o fim das estatais: não perder a boca.
     

  • IGP-M

    O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) subiu 0,65% na segunda prévia de dezembro, divulgada hoje, ante avanço de 0,72% no mesmo período do mês passado. 

  • GRAU ESPECULATIVO

    A agência de avaliação de risco Standard & Poor’s (S&P) rebaixou o perfil de crédito individual da Petrobrás, conhecido pela sigla em inglês SACP, de “bbb-” para “bb”. Com isso, considerada de forma independente de seu controlador, a União, a estatal tem nota correspondente ao grau especulativo.

  • PERDA MONUMENTAL

    Ainda sobre a necessidade de privatizar a Petrobrás: valor da estatal saiu de R$ 700 bilhões para R$ 150 bilhões depois que o PT chegou ao governo. Tudo  por causa dos escândalos, dos roubos e outras safadezas. Afinal, o que é mesmo preço de banana???

FRASE DO DIA

SÓ É ÚTIL O CONHECIMENTO QUE NOS TORNA MELHORES.

Sócrates