Artigos Anteriores

POR QUE PREFIRO NAPLES?

ANO XIV - Nº 007/14 -

FLÓRIDA

Como é sabido, a grande maioria dos brasileiros que viaja para Flórida vai mesmo para Orlando e/ou Miami e arredores. Poucos conhecem a maravilhosa Naples, situada no lado do Golfo do México, à 180 km de Miami, que muitos americanos ricos e educados adotaram para se refugiar do frio do Norte dos EUA.

NAPLES

Naples é uma cidade sem agito. Ali há uma combinação perfeita de vários ingredientes necessários para uma excelente estada: boa educação do povo, enorme tranquilidade, belíssimos pôr-do-sol frente ao mar, restaurantes de todos os tipos, shoppings, golfe e praias de areia branca. Tudo rodeado pelos mais luxuosos condomínios e residências.

MAL ACOSTUMADO

Bastam dois dias em Naples para deixar qualquer brasileiro MAL ACOSTUMADO. Ouve-se a todo instante pedidos de desculpa por nada. Ninguém fala alto nas ruas, bares e restaurantes. No trânsito não se ouve buzinas nem acelerações estúpidas e praticamente todos os motoristas respeitam a velocidade nas ruas e estradas (ESTRADAS com letra maiúscula).

CIDADANIA

Há mais de cinco anos que visito Naples. Para ser sincero, além das maravilhas que a mãe natureza oferece, e mais aquilo que a mão dos americanos consegue melhorar neste cenário ambiental, o que mais me chama a atenção aqui é exatamente aquilo que inexiste no Brasil: CIDADANIA. Aqui todos os seres humanos são CIDADÃOS, ou seja, conhecem seus direitos e cumprem seus deveres.

A GLÓRIA

Se tudo isso já torna a viagem pra lá de boa, as ofertas de produtos e serviços por preços absolutamente ridículos se comparados com os nossos aí no Brasil, aí é a glória. Mais: nem é preciso recorrer aos Outlets para fazer boas compras. Mesmo nos shoppings e lojas mais refinadas, com preços mais elevados, ainda vale muito mais a pena do que comprar no Brasil.

DILMA

Eu poderia ficar escrevendo muitas coisas a respeito de Naples, mas preciso desfrutar a curta temporada que por aqui fico. Estou fazendo de tudo para não lembrar da aprovação obtida pelo governo Dilma, assim como de sua imensa popularidade. Tudo para não atrapalhar ou desviar a minha atenção das coisas boas que Naples oferece.

SEM EXAGERO

Antes de tudo informo que mesmo sendo basicamente frequentada por americanos muito ricos, os restaurantes e o comércio não exageram nem um pouco nos preços. Até nos vinhos oferecidos nas extensas cartas, a ganância é reduzida. Em suma: é possível ir a qualquer restaurante sem ser enganado, roubado ou traído. Tim tim.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • BOLA DE CRISTAL
    Depois de ouvir o ministro Mantega dizer: -
  • Minha bola de cristal pode ter tido alguns defeitos passageiros, mas ela costuma funcionar
    fica claro que o Brasil está à deriva. Dependente da quiromancia.
  • CRISE
    Para o péssimo Mantega, a culpa pelos erros nas previsões é da crise econômica. Quando dá uma crise, os mercados se tornam muito instáveis e ninguém consegue fazer projeções adequadas e corretas da economia, emendou o desqualificado. É preciso que saiba que países latinos, próximos do Brasil, como Colômbia, Peru, Chile e México tiveram inflação baixa e crescimento alto em 2012.
  • INTERVENCIONISMO
    Depois de cortar o preço da conta de luz e desonerar a cesta básica, a presidente Dilma Rousseff prepara um novo pacote de bondades para o consumidor. Dessa vez o foco será a redução de custos das empresas de transporte coletivo e dos planos de saúde. Este é o Brasil do intervencionismo. Estamos nos igualando à Argentina.
  • TÁ NA MESA
    O Tá na Mesa da próxima 4ª feira, 27, vai receber o prefeito de Porto Alegre José Fortunati, que falará sobre -Um novo modelo de gestão. O evento inicia-se às 12h, no Palácio do Comércio, no Largo Visconde de Cairu, no Centro de Porto Alegre.

FRASE DO DIA

Defeitos não fazem mal, quando há vontade e poder de os corrigir.

Machado de Assis