Artigos Anteriores

OS PLANOS DOS CANDIDATOS

ANO XIV - Nº 007/14 -

PRIMEIRO TURNO

Os candidatos à presidência do Brasil, no primeiro turno, se manifestaram com a preocupação maior em registrar os lamentáveis atos de corrupção que tomou conta do país. Lula, sem saber como se defender tentou dissimular e faltou, inclusive, aos debates. Os demais trataram de atacar com promessas de fazer governos mais limpos. E foi assim que chegamos ao segundo turno.

SEGUNDO TURNO

É óbvio que a tecla da corrupção continuará sendo pressionada com muita insistência pelo candidato Alckmin, atingindo em cheio o PT de Lula. Mas, para tentar aumentar o número de votos depositados pelos eleitores no dia 1º de outubro, outras teclas precisam ser pressionadas. Afinal, para o Brasil crescer não basta a honestidade.

DIAGNÓSTICO FEITO

Como o diagnóstico da situação brasileira já está concluído há muito tempo, não cabe mais ficar perguntando o que deve ser feito para o país sair deste marasmo. A resposta já é bem conhecida e reconhecida por todos os habitantes do Brasil e do mundo: soltar as amarras que impedem o nosso crescimento. Isto só é possível com reformas corretas, adequadas e definitivas.

DECISÕES FIRMES

Não é possível, portanto, ficar se escondendo ou empurrando com a barriga. Precisamos de decisões firmes, de efeito. Estas manias equivocadas e antigas dos nossos governantes, de se contentarem com a aprovação de reformas possíveis, tem sido um crime hediondo. Definitivamente, nós precisamos de reformas sérias e profundas, não de meias solas, que mais agravam a situação.

LULA

Lula, embora tenha mostrado sensatez no campo da macro-economia, mantendo o programa do governo anterior fazendo alguns ajustes, não mexeu na micro-economia. Justamente no ambiente que promove crescimento ou define a paralisia. Protelou tudo ou não quis fazer coisa alguma. A renda obtida pelos que recebem o Bolsa Família se deu pela via dos impostos arrecadados e não pelo crescimento do produto. Ou seja, Lula, com tais providências, não tem como promover uma diminuição de impostos. O que impede a competitividade.

ALCKMIN

Alckmin propõe mudanças, embora os atos de corrupção impeçam a compreensão do seu programa de governo. Aquilo que as leis permitiram fazer no seu governo estadual, em São Paulo, mostrou que é um candidato mais ousado. Fala em reformas com conhecimento e naturalidade. E se propõe a fazer coisas que o Brasil precisa na área da Previdência, Trabalho e Tributária. Fico com Alckmin. Direto.

LANÇAMENTO

Dia 10, às 11h30, na Microcervejaria Dado Bier, no DC Shopping, será o lançamento nacional das cervejas especiais Dado Bier à imprensa. A microcervejaria Dado Bier, a primeira inaugurada no Brasil, em 1995, abriu espaço para o setor de especiais, que hoje ocupa 6% das vendas totais de cerveja no País.

PALESTRA

O ministro José Augusto Delgado, do Superior Tribunal de Justiça (STJ) será um dos palestrantes do I Seminário de Direitos e Deveres dos Consumidores de Seguros,nesta sexta-feira, das 8h às 18h na Fiergs. Promoção do INEC - Instituto Nacional deDefesa do Consumidor e do Cidadão e Paulo Silva Consultoria, com apoio da revistaConsumidor Teste. Informações: 3312.5017,ou consultor@consumidorteste.com.br

PROMOÇÃO

O Bourbon Shopping São Leopoldo realiza nos meses de outubro e novembro a promoção ?Cupons de Descontos?. Cartelas com cupons destacáveis oferecendo vantagens e descontos de até 40% poderão ser retiradas nos caixas do hipermercado Bourbon ou nos encartes promocionais da rede, e usados no momento da compra em mais de 40 lojas do shopping. Além dos descontos, os cupons também oferecem brindes e condições especiais de pagamento. A promoção não é cumulativa e é válida até 30 de novembro (exceto no Cinesystem, que aderiu até o dia 31 de outubro), somente para as lojas do Bourbon Shopping São Leopoldo (não para o hipermercado).

MERCOPAR

A 15ª Feira de Subcontratação e Integração Industrial (Mercopar), que se realiza em Caxias do Sul, apresentou no dia da abertura, 3, sua primeira grande novidade: o Encontro Internacional de Negócios de Autopeças ? Mercoparts que reuniu compradores e fornecedores de empresas de autopeças regionais, nacionais e da América Latina. Dez grandes empresas brasileiras, uruguaias, argentinas e colombianas participaram da atividade com objetivo de conhecer possíveis fornecedores de autopeças no Brasil. Mais de 50 pequenas empresas ofereceram seus produtos.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

FRASE DO DIA

O SEGREDO É O EMBLEMA DA FRAUDE.

Sir John Chadwick