Artigos Anteriores

O SONHO DOS PORTO-ALEGRENSES

ANO XIV - Nº 007/14 -

CAIS MAUÁ

Ontem pela manhã, no Sheraton Porto Alegre, o Clube de Jornalistas e Editores de Opinião se reuniu para ouvir e debater com o Secretário da SEDAI (Secretaria Estadual do Desenvolvimento e Assuntos Internacionais), Marcio Biolchi, o Projeto Cais Mauá. O coordenador do projeto, Edemar Tutikian, acompanhou o Secretário e deu todos os esclarecimentos.

PERTO DA REALIDADE

Considerado, quem sabe, o maior sonho dos porto-alegrenses, a revitalização do Cais Mauá, pelo que os associados do Clube de Opinião entenderam, está bem perto de se transformar em realidade. Tomara que nada mais atrapalhe esta real possibilidade.

PROGRAMA ESTRUTURANTE

O projeto, que é uma das principais ações previstas no Programa Estruturante do Governo do RS, já consumiu mais de dois anos de trabalho coordenado pela SEDAI. Inclusive é considerado um dos maiores e mais revolucionários projetos de revitalização urbana pelo tamanho da área e pelo impacto no centro da Capital.

IMPACTO DA OBRA

O impacto da obra no centro de Porto Alegre é considerável. São três mil metros de extensão, 181 mil metros quadrados de área total e 30 mil metros quadrados de área construída. Depois de revitalizado, o Cais Mauá vai disponibilizar mais cinco mil vagas de estacionamento. Tudo isto bem no centro de Porto Alegre.

PESQUISA

Além da pesquisa sobre iniciativas semelhantes em todo o mundo, um grupo de técnicos do Estado e da Prefeitura Municipal realizou diversos estudos de viabilidade, mapeamento, modelagem e escolha do Plano de Negócios, além da proposta do Plano de Diretrizes Urbanísticas para ocupação daquela área.

QUATRO ANOS

A previsão para conclusão da obra, se os prazos forem cumpridos (tóc, tóc, tóc), é de quatro anos. À iniciativa privada, que terá o direito de explorar a área por cinquenta anos, estima-se que o custo previsto para o empreendimento é de R$ 500 milhões, gerando mais de 10 mil empregos diretos e indiretos.

PRÓXIMO PASSO

O próximo passo para tirar, finalmente, o projeto do papel será dado pela Governadora Yeda Crusius, ao entregar ao prefeito de Porto Alegre, José Fogaça, o resultado final do trabalho para aprovação das diretrizes e encaminhamento do Projeto de Lei à Câmara Municipal. Só depois de cumpridas as últimas etapas é que será possível lançar o edital de licitação que determinará a empresa responsável pelas obras. Há tempo, portanto, para que a obra seja concluída até o início da Copa de 2014. Mas é muito importante que a sociedade pressione para que tudo aconteça. E que os contrários de sempre não vençam mais essa.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • BURRICE
    O comércio varejista de Porto Alegre, sem surpresas, definitivamente não poderá abrir suas portas nesta quinta-feira (11/06), feriado de Corpus Christi e véspera do Dia dos Namorados. A proposta do Sindilojas, fundamentada na compensação do feriado por folga na próxima segunda-feira, 15, foi declinada pelo Sindicato dos Comerciários, que simplesmente não realizou assembléia para ouvir seus representados. Ou seja, todos vão sair perdendo: os lojistas, por não trabalharem em uma das melhores datas do ano; os funcionários comissionados porque perdem uma boa oportunidade de aumentar seus rendimentos; e a população por não poder usufruir do feriado para fazer suas compras. Maravilha, não?
  • LIMITES DE CRÉDITO
    O Banrisul anunciou ontem a disponibilização de limites de crédito no valor de R$ 4,7 bilhões. A medida foi divulgada durante o Seminário de Gerentes do Banco, em Porto Alegre, com a presença de mais de 700 executivos da instituição. Os recursos contemplam linhas de crédito para pessoa física e jurídica, além da redução das taxas de juros e ampliação no prazo de pagamento.
  • GERDAU
    A Gerdau comunica que sua subsidiária na América do Norte, Gerdau Ameristeel, anunciou que suspenderá a produção de sua usina siderúrgica em Sayreville e fechará a laminação de Perth Amboy e também está em negociação com o sindicato dos trabalhadores das indústrias siderúrgicas dos Estados Unidos sobre o possível fechamento de sua usina siderúrgica em Sand Springs.
  • TÁ NA MESA
    Paulo Herrmann, diretor comercial da John Deere na América Latina, é o palestrante do Tá na Mesa da Federasul desta quarta-feira, 10, às 12h30. Tema: Os desafios do agronegócio moderno.

FRASE DO DIA

A esperança não é um sonho, mas uma maneira de traduzir os sonhos em realidade.

Suenens