Artigos Anteriores

O PRINCÍPIO DA DESINDEXAÇÃO

ANO XIV - Nº 007/14 -

DESINDEXAÇÃO

Ontem, em conversa com jornalistas, o futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, informou que está estudando a possibilidade do novo governo vir a propor uma forma de DESINDEXAR  OS GASTOS PÚBLICOS, através de um GATILHO que seria acionado a partir do momento em que o TETO DOS GASTOS DO GOVERNO, estabelecido pelo ORÇAMENTO DA UNIÃO, atinja o seu limite. 

 

GATILHO

Na prática, o acionamento deste proposto, saudável e muito interessante -GATILHO-, que ainda está em fase de estudo preliminar, permitirá que o governo fique DESOBRIGADO de CORRIGIR -PELA INFLAÇÃO-, os GASTOS COM SALÁRIOS E BENEFÍCIOS DA PREVIDÊNCIA, principalmente.

PASSO IMPORTANTE

Se esta prática conseguir ser aprovada (isto depende da aprovação de 308 deputados e 49 senadores), o Brasil estará, enfim, dando um passo importante para, quem sabe, acabar de vez com este monstrengo chamado INDEXAÇÃO, que já deveria ter sido eliminado. 

 

PIB CAI E GASTOS COM PESSOAL SOBE

Enquanto o PIB brasileiro CAIU quase 9% nos últimos anos, os GASTOS COM PESSOAL do Setor Público brasileiro  (união, estados e municípios) SUBIRAM de forma exponencial.  Um esclarecedor levantamento feito pelo economista Ricardo Bergamini, baseado exclusivamente em números oficiais diz isto claramente. Eis:

RELAÇÃO GASTOS COM PESSOAL/PIB

1- em 2002 os gastos com pessoal consolidado (união, estados e municípios) foi de 13,35% do PIB, representando 41,64% da carga tributária que era de 32,06%.

2- em 2017 esta despesa atingiu 15,90% do PIB, ou seja, crescimento real em relação ao PIB de 19,10% representando 49,20% da carga tributária de 2016, que foi de 32,38%.

 

CÂNCER

Guedes, que no meu entender agiu com cuidado para não provocar os mais resistentes, disse que o acionamento do -GATILHO- é um “ato extremo” para colocar as despesas do governo em queda. Segundo ele e o resto do planeta Terra, o excesso de gastos é o maior problema da economia e coloca o País na “armadilha do baixo crescimento”.

Só lamento que Guedes tenha encerrado o assunto admitindo que a partir do momento em que o TETO DOS GASTOS volte a ser respeitado, a INDEXAÇÃO pode voltar. Pena. No meu entender este câncer deveria ser extirpado definitivamente.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • TAXA DE INVESTIMENTO E TAXA DE POUPANÇA

    Segundo o IBGE:

    1 - A taxa de Investimento no terceiro trimestre de 2018 foi de apenas 16,9% do PIB. No terceiro trimestre de 2013 foi de 21,5% do PIB. Redução, portanto, de 21,40% em relação ao PIB em cinco anos.

    2 – A taxa de poupança bruta no terceiro trimestre de 2018 foi de 14,9% do PIB. No terceiro trimestre de 2009 foi de 20,9% do PIB. Redução de 28,71% em relação ao PIB em nove anos. 
     

  • PIB DO TERCEIRO TRIMESTRE

    O PIB brasileiro cresceu 0,8% no terceiro trimestre em relação ao trimestre imediatamente anterior,
    quando aumentou 0,2% na mesma base de comparação, de acordo com dados
    divulgados pelo IBGE. 

    No acumulado nos quatro trimestres terminados no 3º trimestre de 2018, o PIB subiu 1,4% em relação aos quatro trimestres imediatamente anteriores. Já no acumulado do ano, o PIB cresceu 1,1%, em relação a igual período de 2017. 
     

  • ROMA INESQUECÍVEL

    De 1º de dezembro até 13 de janeiro, para marcar o encerramento do ano os cartões Zaffari Card e Bourbon Card promovem a campanha “Roma Inesquecível”. A promoção irá sortear 6 viagens com acompanhante para a capital italiana. Para participar, a cada R$ 400,00 em compras feitas com o Zaffari Card e o Bourbon Card o cliente receberá automaticamente um número da sorte para concorrer, não sendo necessária a troca de cupons fiscais.

    Será possível consultar os números da sorte diretamente pelo aplicativo dos Cartões, nas lojas Zaffari e Bourbon, ou pelo SAC (4004 1224). Ao longo da promoção ainda haverá geração de números em dobro, triplo e quádruplo, e os clientes receberão notificações pelo aplicativo com informações como saldo restante para geração de mais um número da sorte para concorrer e números gerados na última compra.

    As compras são cumulativas e, para a geração dos números da sorte, serão somadas as compras do cliente titular e também as dos clientes adicionais vinculados à mesma conta. O sorteio ocorrerá pela Loteria Federal no dia 16 de janeiro. O regulamento completo pode ser acessado no site www.zaffaricard.com.br.
     

FRASE DO DIA

O homem pode ser livre à medida que o governo tenha limites; quando cresce o governo, diminui a liberdade.

Ronald Reagan