Artigos Anteriores

O PODER DE SEDUÇÃO VIA ILUSIONISMO

ANO XIV - Nº 007/14 -

ALERTA

No editorial de ontem, mesmo totalmente convencido de que as chances de sucesso são mínimas, ou inexistentes, emiti mais uma vez o ALERTA quanto ao notável e perigoso PODER DE SEDUÇÃO que os POPULISTAS, invariavelmente, exercem nas pobres e atrofiadas mentes de muitos brasileiros. 

ESTAGNAÇÃO ECONÔMICA

Pois, para mostrar o quanto a criatividade e a inspiração dos POPULISTAS não tem limite, vejam só o que disse, ontem, o economista do PT, Márcio Pochmann, na audiência pública da Comissão Especial da Câmara que analisa o texto da Reforma da Previdência (PEC 287/16): - A REFORMA poderá levar o País à estagnação econômica. Pode? 

AUMENTO DA TAXA DE DESEMPREGO

Mais do que sabido, a PREVIDÊNCIA SOCIAL, além de INJUSTA ao estabelecer a existência de duas classes distintas de brasileiros (PRIMEIRA E SEGUNDA CLASSE) é altamente deficitária. Pois, para ganhar adeptos da sua notável estupidez, Pochmann disse que a redução dos benefícios previdenciários e assistenciais (?) vai elevar a taxa de desemprego. Mais: na sua louca e petista previsão, a reforma poderá levar a taxa de desemprego para um patamar de até 25%. Que tal? 

 

INVESTIMENTO PÚBLICO

Fazendo coro com as besteiras defendidas por Pochmann, outra POPULISTA, a deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) concordou imediatamaente com o economista e arrematou:  - a saída para a crise econômica e fiscal é o investimento público, principalmente na área social. “A saída é a economia, não é mudança da regra da cobertura dos gastos sociais. Pode? 

 

NO RS

No paupérrimo e absolutamente quebrado Rio Grande do Sul, o candidato ao governo do Estado, Miguel Rosseto, do PT, tratou de emitir posições carregadas de POPULISMO dizendo que uma vez eleito como governador, a primeira coisa que fará no dia 1° de janeiro de 2019 é editar um decreto, determinando o pagamento em dia dos servidores. Que tal? Rosseto vai fabricar dinheiro! Simples assim!

 

ILUSIONISTAS

Taí: os POPULISTAS usam o ILUSIONISMO para seduzir as mentes enfraquecidas da mesma forma como fazem os mágicos perante suas plateias. Ou seja, muitos saem do teatro com a certeza de que o ilusionista fez o elefante sumir da sala. Da mesma forma outros tantos acreditam, piamente, que os mágicos fazem o dinheiro se multiplicar.   

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • CONFIANÇA NA CONSTRUÇÃO

    O índice de confiança da construção, calculado pela FGV, avançou 1,7 ponto entre junho e julho, para 81,0 pontos. A abertura do índice mostrou que a alta foi motivada tanto pelo avanço na avaliação das expectativas, de 88,3 para 91,0 pontos, quanto pela melhora na avaliação da situação atual, que subiu de 70,8 para 71,4 pontos.

  • VERO

    Os lojistas credenciados à rede de adquirência Vero, da empresa Banrisul Cartões, já estão aptos a aceitar pagamentos por aproximação, inovação que permite que as transações sejam feitas sem a necessidade de inserir ou passar o cartão nas máquinas POS ou mobile. Atualmente, existem dispositivos de pagamento inseridos em pulseiras, relógios ou em carteiras digitais para smartphones. Ao aproximar o dispositivo a uma curta distância da máquina, o pagamento será efetuado.
    Segundo o diretor da Banrisul Cartões, Antônio Carlos Antunes, a solução faz com que as transações sejam mais rápidas que as tradicionais, acelerando o processo e ampliando o número de operações. “Esse serviço oferece mais segurança ao cliente, já que ele não precisa levar dinheiro ou mesmo o cartão de crédito no bolso. Além disso, as informações compartilhadas com a máquina são utilizadas apenas para o pagamento”, destacou.
     

FRASE DO DIA

O Brasil está tão distante do liberalismo como o planeta Terra da constelação de Ursa Maior.

Roberto Campos