Artigos Anteriores

O ESPÍRITO ATRAVÉS DAS MANCHETES

ANO XIV - Nº 007/14 -

EM DEFESA DA INJUSTIÇA

Ontem, de forma praticamente instantânea, bastou o presidente Jair Bolsonaro entregar o projeto de REFORMA DA PREVIDÊNCIA aos presidentes da Câmara e do Senado para que boa parte da mídia começasse a reagir em pronta defesa da manutenção da enorme INJUSTIÇA.

NADA DE ESTRANHO

Esta péssima e nojenta reação, vale lembrar, antes de tudo, nada tem de estranha ou mesmo surpreendente, apesar de lamentável. O detestável é que acaba influenciando  milhões de pagadores de impostos que não percebem o quanto são impedidos de satisfazer seus desejos de consumo porque são obrigados, por lei que impõe DIREITOS ADQUIRIDOS, a pagar a pesada conta dos privilégios concedidos a uma minoria composta por servidores públicos.

MANCHETES DOS JORNAIS

Assim, quem se dispõe a ler apenas as manchetes de primeira página dos principais jornais do País verá, com absoluta clareza,  o real interesse demonstrado pelos meios de comunicação quanto à urgente e pra lá de necessária REFORMA DA PREVIDÊNCIA.

ESPÍRITO JORNALÍSTICO

Aproveitando a coleção feita pela pensadora Fernanda Barth, eis as manchetes de alguns jornais desta 5ª feira, 21/02, e observem como se revela o espírito jornalístico manifestado: 

1. O Estado de S.Paulo (SP)
A MAIS AMBICIOSA DAS REFORMAS 

2. Folha de S.Paulo (SP)
REFORMA APERTA APOSENTADORIA DOS SETORES PÚBLICO E PRIVADO. 

3. Valor Econômico (SP)
NOVA PREVIDÊNCIA DE BOLSONARO ATINGE MAIS O SERVIDOR PÚBLICO. 

4. O Globo (RJ)
MUDANÇA DA PREVIDÊNCIA: REFORMA MIRA REDUÇÃO DE PRIVILÉGIOS E PROMETE ECONOMIA DE  R$ 1,1 TRILHÃO

5. Zero Hora (RS)
BOLSONARO PROPÕE REFORMA AMPLA, PROFUNDA E POLÊMICA.

POLÊMICA???

Vejam, por exemplo, que a palavra JUSTIÇA não aparece em qualquer manchete. Da mesma forma nenhum jornal estampou na primeira página que a REFORMA DA PREVIDÊNCIA propõe um SISTEMA MAIS JUSTO E IGUALITÁRIO. E, no caso do doloroso jornal Zero Hora, a palavra POLÊMICA diz bem qual a utilidade do triste jornal do RS, que carrega as digitais de um Estado totalmente inviável. 

PONTO NEGATIVO

Pois, no meu entender, o PONTO NEGATIVO do projeto é a absurda ausência de uma proposta de  aposentadoria dos militares. O governo teve muito tempo para preparar  uma proposta abrangente e preferiu deixar os militares de fora. Pode? Qual o real interesse em deixar para mais adiante????

Esta atitude lamentável já provocou uma forte irritação em muitos deputados que se dizem a favor da REFORMA DA PREVIDÊNCIA. Alguns já adiantaram que só vão começar a debater a Nova Previdência quando chegar o texto dos militares.

Além disso, é bom que todos saibam, a tramitação da REFORMA inicia na Comissão de Constituição e Justiça -CCJ-. Como a mesma ainda não foi instalada e não se sabe quando isto vai acontecer, o que deveria ser urgente vai demorar ainda mais. Aí é demais, não? 

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • O FANTÁSTICO ESTADO DO RS

    O RS é um Estado realmente incrível. Vejam que mesmo diante de uma catástrofe financeira, que deveria centrar todas as atenções no sentido de remover obstáculos que sufocam a economia gaúcha, o governador Eduardo Leite achou algo mais interessante para o Estado: sancionou uma lei, de autoria do deputado Sérgio Turra (PP), que declara o município de Lagoa Vermelha a CAPITAL GAÚCHA DO CHURRASCO. Fantástico, não????

  • FESTA DA UVA

    Uma mostra inédita e gratuita com objetos e fotos que ajudam a contar a história da Festa da Uva, estará à disposição dos frequentadores do Bourbon San Pellegrino, de 22 de fevereiro a três de março. A exposição promove um resgate histórico deste que é considerado um dos mais tradicionais eventos culturais do Brasil, assim como da própria cultura da imigração italiana em Caixas do Sul e arredores.

FRASE DO DIA

O que é pior: encontrar o fundo do poço ou continuar caindo?