Artigos Anteriores

MUDANÇAS PELO ESCLARECIMENTO

ANO XIV - Nº 007/14 -

NOVO COMPORTAMENTO RELIGIOSO

Passado o Carnaval, os católicos entram no tradicional período da Quaresma, onde algumas restrições, principalmente alimentares, promovem mudanças de hábitos daqueles que preferem cumprir à risca as determinações da Bíblia. Creio, no entanto, que a cada dia, pelas informações disponíveis, os mais velhos, mas principalmente os mais jovens, passarão a ter novos comportamentos religiosos. E há boas razões para tanto.

RESISTÊNCIA ÀS CRENÇAS

O fato é que todos nós iniciamos as nossas vidas dentro de um regime de grande aceitação e obediência a tudo o que nos dizem. Depois, usando o raciocínio e as leituras, pulamos para a etapa da teimosia. A partir daí, hesitamos em acreditar em tudo que nos é dito, ficamos com dúvidas e agimos por contestações sobre o que nos foi ensinado e repetido. Ficamos, por fim, mais resistentes às crenças de outrora.

UMA NOVA BÍBLIA

Neste aspecto religioso, apesar da gritaria e estupefação de alguns católicos mais fervorosos, o fato é que o livro ? O Código Da Vinci -, de Dan Brown, está mexendo muito com a cabeça dos fiéis. Escolhido como a grande leitura dos brasileiros neste verão, a impressão que resta é que uma nova Bíblia precisará ser escrita. Bem à luz das novas descobertas. Que não são poucas, principalmente pelo fato de que a ciência vem demolindo cada vez mais com as crenças. Aliás, tudo isto acontece também e da mesma forma com os transgênicos, com as privatizações, com a previdência social, etc..

PERÍODO DAS REVELAÇÕES

A sociedade, quanto mais mal informada for, mais fácil de ser governada pelos tiranos. Povo desinformado não oferece grande resistência, principalmente quando crê que as coisas divinas são responsáveis pelos males e benefícios que recebem. É exatamente assim que o autor se expressa quando diz que a era de Peixes acabou e que já entramos na era de Aquário, onde as revelações e as verdades começam a serem expostas com mais transparência.

ABSURDOS

As metáforas, muito utilizadas pela Bíblia se confundem com coisas absurdas que dificultam o entendimento lógico. Coisas que a Igreja, por incrível que pareça, vem carregando, informando, mas não nunca convencendo ao longo de mais de 2000 anos. Hoje, com certeza, a relutância é muito grande para que se aceite que alguém possa transformar água em vinho, que possa caminhar sobre as águas e que possa ter nascido de uma virgem. Sem falar na multiplicação de pães e peixes. Aí é demais.

PARTIDO BOLIVARIANO

O PDT, diga-se de passagem, nunca apresentou soluções muito inteligentes para seus eleitores. Se por um lado se caracterizou como um partido que se destacou pelo interesse à educação, por outro mostra que o resultado colhido foi uma má educação econômica. Isto fica claro pela pregação de uma ideologia nacionalista, de esquerda, que agora, mais do que nunca, quer se definir como de extrema esquerda. Um atraso que nem o PT conseguiu vender com tanta capacidade.

MÁ ESCOLHA

Depois da morte do líder do PDT, e também dono do partido, Leonel Brizola, as coisas já estão ficando bem piores. O atual presidente, declaradamente quer mais: uma aproximação estúpida com o enlouquecido Hugo Chávez. Como não encontrou brasileiro algum que pudesse ser seguido, elegeu Bolívar como seu grande inspirador. Se fosse muito inteligente elegeria Roberto Campos. Mas, para quem fez a escola de Brizola não se poderia esperar nada. Se os seguidores desta loucura aumentarem, estaremos muito perto do fim. Do fim do mundo.

NOSSOS CUMPRIMENTOS

Para satisfazer a sanha interminável de gastos e privilégios do setor público, mais e mais impostos são necessários e mais contribuições são exigidas. Como tudo tem limite, embora já tenhamos experimentado coisas muito além do possível, a MP 232 estourou a fita e a paciência da sociedade. Ao querer algo mais, os governos podem, quem sabe, ter percebido que em algum momento isto poderia ter fim. E pela manifestação ocorrida ontem, em São Paulo, contra a MP 232, a mobilização foi pra valer. Parabéns aos manifestantes.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

FRASE DO DIA

A INVENÇÃO DA POLTRONA ACABOU COM OS HERÓIS.

Millor