Artigos Anteriores

HUMILDADE 7 X 1 ARROGÂNCIA

ANO XIV - Nº 007/14 -

ARROGÂNCIA

Ontem, enfim, a Seleção Brasileira mostrou ao mundo todo, no gramado do Mineirão, o quanto a arrogância, a falta de organização e a equivocada estratégia aplicada no nosso futebol tem forte relação com tudo aquilo que acontece com a nossa economia e com a nossa política.

IGUAL À ECONOMIA

A proposta de jogo adotada pelo técnico Felipão, para enfrentar a Seleção da Alemanha na primeira semifinal da Copa do Mundo, realizada ontem, é um espelho límpido daquilo que o ministro Mantega vem fazendo com a nossa economia no enfrentamento com os competidores internacionais.

VENCER NO FUTEBOL

O que é de se lamentar é que, por absoluta falta de conhecimento e/ou discernimento, o pobre povo brasileiro tem sido levado, tanto pelo governo quanto pela mídia, a entender que vencer no futebol é tudo que interessa para ser melhor do que os demais países do mundo.

ECONOMIA BOLIVARIANA

Pois, a Seleção da Alemanha, ou a elite branca do futebol, como diria o filósofo do atraso e ex-presidente, Luiz Inácio Lula da Silva, jogando um futebol simples e burocrático, aplicou no nosso pobre país, em pleno Mineirão, sem dó nem piedade, a mesma goleada que os países capitalistas impõem, diariamente, na nossa economia bolivariana.

MENSAGEM

O que aconteceu ontem, como consta numa ótima mensagem que recebi sem identificação de remetente, foi mais que um simples jogo. Foi a vitória da competência sobre a malandragem. Serve de exemplo para gerações de crianças que saberão que para vencer na vida é preciso ralar, treinar, estudar. É preciso acabar com essa história de jeitinho malandro do brasileiro, que ganha jogo com seu gingado, ganha dinheiro sem ser suado, vira presidente sem ter estudado.

LEGADO

O grande legado desta copa, segue a mensagem, é o exemplo para gerações do futuro. Que um país é feito por uma população honesta, trabalhadora, e não por uma população transformada em parasita por um governo que nos ensina a receber o alimento na boca e não a lutar para obtê-lo.

PÁTRIA AMADA

A Alemanha ganhou com maestria e merecimento. Que nos sirva de lição. Pátria amada Brasil tem que ser amada todos os dias, no nosso trabalho, no nosso estudo, na nossa honestidade. Amar a pátria em um jogo de futebol, e no outro dia roubar o país num ato de corrupção, seja ele qual for, furando uma fila, sonegando impostos, matando, roubando? Que amor à Pátria é este? O Brasil cansou de ser traído por seu próprio povo. Que sirva de lição para que nos agigantemos para construirmos um país melhor: educar nossos filhos para uma geração de vergonha. Uma verdadeira nação que se orgulha de seu povo, e não só de seu futebol!!

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • ELEIÇÕES
    Não tenho certeza de que a derrota do Brasil influencie nas eleições, mas vou fazer de tudo para que isto aconteça. Se o Brasil é o país do futebol...
  • GOLEADAS
    O povo brasileiro já vinha sofrendo goleadas na Educação, Saúde e Segurança, Liberdade, Desenvolvimento Humano, Burocracia, Tributação, Corrupção, etc. Agora tomou uma goleada no futebol. Resta alguma coisa?
  • É TOIS
    Afinal, o que Dilma e os selecionados(?) querem dizer com o -É TOIS?- Imagino que é ALEMANHA!
  • ARROGÂNCIA
    Motivados por grande parte da mídia, um enorme contingente de brasileiros não suporta os argentinos. Dizem que os hermanos são muito arrogantes. Pois, o que tenho visto é que nesta competição a arrogância mora no Brasil faz tempo.

FRASE DO DIA

CONHECIMENTO NÃO É AQUILO QUE VOCÊ SABE, MAS O QUE VOCÊ FAZ COM AQUILO QUE SABE.

Aldous Huxley