Artigos Anteriores

FÓRUM DA LIBERDADE 2019

ANO XIV - Nº 007/14 -

PÚBLICO ENTUSIASMADO

O Fórum da Liberdade, promovido desde 1988 pelo IEE -Instituto de Estudos Empresariais, o qual, em 2013, foi reconhecido pela Revista Forbes como o maior espaço de debate político, econômico e social da América Latina, chega a sua 32ª edição contando, como nunca, com um público fortemente entusiasmado. 

GOVERNOS SOCIALISTAS

Este entusiasmo se dá por uma razão que considero muito simples: ao longo de todas as edições anteriores, o Brasil e quase todos os estados e municípios tiveram governos pautados e/ou administrados por socialistas,  ainda que em diferentes graus.

AMBIENTE MAIS LIBERAL

A rigor, portanto, esta (32ª)  é a primeira vez que o Fórum da Liberdade acontece num ambiente onde ideias liberais estão sendo amplamente propostas, adotadas e/ou implementadas, tanto do Brasil quanto em vários Estados e Municípios.

DECISÕES EQUIVOCADAS

Nesses últimos 30 anos, tudo que era discutido, criticado e sugerido nos mais diversos painéis dos Fóruns não passava de um exercício de indignação contra decisões governamentais equivocadas, porém intencionais, que levaram a um descomunal aumento do tamanho do Estado e de um crônico aumento de rombos nas Contas Públicas.

LIBERAIS OCUPANDO CARGOS PÚBLICOS

Se em muitas edições anteriores, os críticos estavam nas plateias e via de regra no palco, defendendo ideias liberais, nesta edição grande parte desses LIBERAIS INDIGNADOS estão ocupando cargos públicos, tanto do Executivo quanto do Legislativo, prometendo, com boas ações, transformar o BRASIL.

ENTUSIASMO PALPÁVEL

Ontem, depois de ouvir as importantes apresentações feitas por Onix Lorenzoni, Salim Mattar, Gustavo Franco, Winston Ling, Alexandre Garcia,  Leonardo Fração, por exemplo, a plateia saiu confiante de que a indignação dos últimos anos está dando lugar a um entusiasmo palpável. O dia de hoje, pelo visto, promete muita coisa boa.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • O GOVERNO BOLSONARO -ACABOU-

    Eis aí a carta que o cidadão Otacílio M. Guimarães escreveu e enviou ao senador Renan Calheiros: 

    Senhor senador Renan Calheiros,

    Li, com muita atenção, sua entrevista à revista Época, onde o senhor entre muitas mentiras e inúmeras bobagens, falou uma coisa verdadeira: "O governo Bolsonaro acabou".

    De fato, senador, o governo Bolsonaro mal começou e já acabou.

    ACABOU de fechar a torneira dos cofres públicos para evitar que políticos corruptos como o senhor ponham suas imundas patas de ratos no dinheiro do povo.

    ACABOU de fechar as torneiras dos cofres do BNDES para evitar que ladrões como Luís Inácio Lula da Silva empreste bilhões do dinheiro do povo às ditaduras latino americanas e africanas mediante a cobrança de uma polpuda propina.

    ACABOU de fechar as torneiras dos cofres públicos para os órgãos da imprensa venal mediante contratos de publicidade para que estes elogiassem o governo e esquecessem seus crimes, como sempre fizeram Lula e Dilma.

    ACABOU de disciplinar a Lei Rouanet de modo a que esta cumpra sua verdadeira finalidade que é promover a cultura e não financiar artistas sem talento e em decadência, em prejuízo da verdadeira arte, como sempre fizeram os governos Lula e Dilma.

    ACABOU de extinguir 21 mil cargos em comissão no serviço público federal que foram criados com o único objetivo de empregar, muito bem remunerados, apaniguados políticos, inclusive seus, como fizeram Lula e Dilma.

    Tem muito mais coisas que ACABARAM no governo Bolsonaro em apenas 100 dias mas eu não vou me alongar enumerando-as para não me tornar cansativo.

    Agora eu estou torcendo para que chegue o momento do governo Bolsonaro, pelo seu ministro da justiça e segurança pública, dar um jeito de ACABAR com as safadezas do STF a fim de que as gavetas dos inúmeros processos que pesam contra o senhor e outros iguais a si sejam abertas, o mofo seja removido e o senhor vá fazer companhia a alguns colegas seus que já estão residindo na Papuda.

    Tem razão, senador, O GOVERNO BOLSONARO ACABOU sim, mas com a desenvoltura de pilantras como o senhor especializados no roubo do dinheiro público.

    E pode esperar que O GOVERNO BOLSONARO vai ACABAR com muitas outras coisas que faziam a alegria de gente como o senhor e a desgraça do povo brasileiro.

    Ass: Otacílio M. Guimarães, um brasileiro esclarecido que quer ver gente como você na cadeia.

  • ATIVIDADES CULTURAIS

    O sábado do dia 13 de abril agenda atrações para diferentes públicos na rede Boulevard. No Boulevard Assis Brasil, em parceria com o Colégio Sinodal Salvador, uma atividade infantil irá deixar a Páscoa ainda mais divertida para as crianças. Das 13h às 18h, será oferecida uma oficina de pintura de ovos na qual os participantes poderão soltar a criatividade e personalizar seus ovinhos, inspirados na Osterbaum, tradição alemã de pendurar ovinhos decorados em árvores. A oficina é voltada para crianças até oito anos, sendo que a participação é gratuita mediante a distribuição de fichas por ordem de chegada.

    Já no Boulevard Laçador, das 13h às 17h, será realizado o Vinyl Market, evento destinado a todos os apreciadores da boa música e consumidores de vinil. O evento é uma alusão ao Record Store Day, data criada nos Estados Unidos para celebrar a cultura das lojas de discos e as trocas que se dão nesses espaços. No shopping, colecionadores poderão completar suas coleções com grandes clássicos através da venda ou troca de discos de vinil. O evento é gratuito e aberto ao público.

FRASE DO DIA

Por muito tempo, por defender o liberalismo econômico, fui considerado um herege imprudente. Os acontecimentos mundiais me promoveram a profeta responsável.

Roberto Campos