Artigos Anteriores

DEPOIS DA BONANÇA, A TEMPESTADE

ANO XIV - Nº 007/14 -

EUROPA

A situação que vários países da Europa estão passando está pra lá de complicada. Se o velho ditado diz que depois da tempestade vem a bonança, para o grupo que compõe o PIIGS: Portugal, Ireland, Italy, Grece e Spain, é bem ao contrário. A crise financeira mundial acabou com a bonança e provocou uma tempestade destruidora.

PORCOS

O pânico até pode ser acalmado com ações do poderoso Banco Central Europeu, impedindo o calote dos títulos públicos dos atingidos. Mas não evita a doença produzida pelo monstruoso déficit orçamentário dos PORCOS, como identifica a tradução forçada da sigla PIIGS.

ESPANHA HORRORIZADA

Pegando o exemplo da Espanha, país que se notabilizou por um crescimento fantástico na última década, o número de empresas ou pessoas que declararam falência em 2009 foi recorde. Segundo informou hoje o Instituto Nacional de Estatística (INE) foram 5.922. Um aumento de 79,6% em relação ao ano anterior, quando as inadimplências triplicaram em relação a 2007.

SETOR IMOBILIÁRIO

O INE informa também que o número de cidadãos inadimplentes aumentou 132,2% no ano passado. Já as empresas e autônomos inadimplentes cresceram 79,6%. E das companhias que declararam falência em 2009, 75% pertenciam aos setores imobiliário e de construção, indústria e comércio.

RISCO-PAÍS

Pelo que dizem os números da Espanha, que não difere dos demais, por mais que a recuperação econômica comece a se desenhar o clima para negócios deve demandar muito tempo. Antes de tudo, os investidores vão olhar com muita atenção para o índice que mede o RISCO-PAÍS.

DÍVIDA/PIB

No caso do grupo dos participantes do PIIGS, o risco não para de aumentar. E a principal razão está espelhada pelo brutal crescimento da relação Dívida/PIB de todos eles. Um horror.

INADIMPLÊNCIA

Tomando por base só o que acontece na Europa e nos EUA, principalmente, é sempre bom lembrar que o crédito, quando excessivo, e dependendo do comportamento da economia, pode levar à níveis insuportáveis a inadimplência. A ponto de simplesmente, quebrar um país. Ou vários, como já é o caso dos acima comentados.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • FOCUS 1
    O relatório Focus (BC) de hoje mostra novas revisões para cima nas projeções do mercado para a inflação e taxa de câmbio. Já as estimativas para o crescimento da economia brasileira em 2010 e para a Selic no fim do período não mudaram.No caso do IPCA, a mediana das previsões aponta alta de 4,78%, ante 4,62% na pesquisa da semana passada. A estimativa para o PIB permaneceu em expansão de 5,35%.
  • FOCUS 2
    De acordo com o levantamento, a Selic deve encerrar o próximo ano em 11% e a taxa de câmbio, em R$1,85. Ambas as previsões não mudaram ante o relatório Focus com coleta encerrada em 29 de janeiro.A meta de inflação perseguida pelo governo tanto em 2010 como em 2011 é de 4,5%, com tolerância de 2 pontos percentuais para cima ou para baixo.
  • BEYONCÉ
    Nenhum lugar no mundo é como o Brasil, disse Beyoncé, no Rio. A galera, agradecida, foi à loucura. Que tal?
  • LIQUIDA
    Aproveitar as ofertas do Liquida e ainda manter as finanças em dia parece um malabarismo impossível para muita gente. Para auxiliar no acerto das contas domésticas, o Liquida Porto Alegre deste ano vai oferecer uma assistência gratuita de dois consultores financeiros para ensinar os consumidores como equilibrar as dívidas sem deixar de comprar. A ação ocorre exclusivamente hoje, dia 8 de fevereiro, no 2º andar do Mercado Público de Porto Alegre, entre às 11h e 12h.

FRASE DO DIA

NUMA BUROCRACIA A GENIALIDADE É UMA ABERRAÇÃO.

Desconhecido