Artigos Anteriores

DE OLHO NO TERRORISMO

ANO XIV - Nº 007/14 -

ESPIONAGEM

O tema -ESPIONAGEM-, como já se esperava, continua rendendo comentários por parte da mídia e carrancas por parte da presidente Dilma e sua péssima equipe de incompetentes ideológicos, que adoram bisbilhotar a vida alheia mas não admitem ser observados.

ALVOS ESPECÍFICOS

Pois, ontem, em coletiva de imprensa, o presidente Barack Obama disse que a coleta de informações de inteligência pelos EUA é direcionada a áreas específicas de preocupação e que é preciso mirar em alvos específicos. Mais: os EUA não espionam as ligações telefônicas e as correspondências de pessoas comuns.

TERRORISMO

Obama finalizou dizendo: - Eu posso assegurar ao público na Europa e ao redor do mundo que nós não estamos bisbilhotando os e-mails das pessoas ou escutando seus telefonemas. Miramos, bem especificamente, em algumas áreas de preocupação, como ações contra o terrorismo, armas de destruição em massa e segurança cibernética.

JUSTIFICADO

Ora, se entendi bem, quando Obama diz que os EUA se preocupam com o terrorismo, o Brasil só passou a ser alvo de observação porque a nossa presidente já militou na área e, portanto, conhece bem o assunto. Aliás, até hoje Dilma Rousseff só criticou o DOI-Codi, mas nunca se arrependeu de ter praticado atos de terrorismo.

MÉDICOS CUBANOS

Um outro assunto que não sai das manchetes dos jornais de todo o país diz respeito à contratação de médicos cubanos. Sem entrar no mérito da falta destes profissionais na maioria dos municípios do Brasil, o fato é que o maior interesse e/ou compromisso do governo Dilma Bolivariano Rousseff é ajudar o governo de Cuba.

IDIOMA BOLIVARIANO

Em termos políticos-ideológicos, o idioma usado pelos governos bolivarianos é um só: os países cujos líderes são membros do Foro de São Paulo, além de seguir -ipisis literis- a cartilha que propõe a instalação do comunismo na América Latina (baseada na obra de Antonio Gramsci - Os Cadernos do Cárcere), os maiores países têm o dever de ajudar os menores em dificuldade.

ACORDO FECHADO

Está mais do que evidente que o governo Dilma só abriu o mercado para médicos estrangeiros para poder contratar o número de cubanos que já havia se comprometido com os Irmãos Castro. Como já estive em Cuba, em missão governamental, para conhecer de perto a medicina de quarteirão, pelo que conversei com os médicos e enfermeiros eles não gostam nem um pouco do regime cubano. Podem estar certos: a maioria não vai querer voltar para o presídio...

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • ESPIONAGEM BRASILEIRA
    A Administração Dilma Rousseff é apontada por consultores em Inteligência de fazer vista grossa diante de abusos contra a privacidade cometidos por grandes corporações instaladas no Brasil, e também por órgãos do próprio governo brasileiro. O sigilo bancário, tributário, telefônico e de internet dos brasileiros só existe na ficção. No mundo real, todos são alvos de constantes -arapongagens- e espionagens sem amparo legal. Espionagem é uma das atividades mais antigas do mundo, junto com a prostituição e a corrupção.(Cristina Serra)
  • MODERADA
    A situação da indústria gaúcha manteve-se em julho dentro do padrão que vem caracterizando sua trajetória recente: produção crescendo moderadamente, utilização da capacidade produtiva abaixo do usual e excesso de estoques. Segundo informa o presidente da FIERGS, os resultados não demonstram indícios de mudança no atual ciclo de recuperação do setor. Mesmo com o cenário de dificuldades e com estoques elevados, esse processo deverá continuar, mas de forma lenta e gradual.
  • CHEGA DE MORDIDA
    A mesa diretora da Assembleia Legislativa do RS encaminhou para publicação, o Projeto de Decreto Legislativo que põe fim à cobrança da diferença de alíquota (DIFA) para as empresas do Simples. Segundo a CDL existe um acordo entre indústria e comércio que foi encaminhado pelas grandes federações de ambos os setores para o governo estadual. Independente do que será resolvido via Palácio Piratini, o Chega de Mordida está investindo na decisão do Parlamento.
  • TELETAXI
    Ontem, a Câmara Municipal de Porto Alegre aprovou o projeto de lei que acaba com a cobrança da taxa de chamada pelo serviço de rádiotaxi.

FRASE DO DIA

O medo da desgraça é pior que a desgraça.

Leib Lazarov