Artigos Anteriores

CHEGOU A HORA DO BRASIL VENCER A PRAGA

ANO XIV - Nº 007/14 -

ENCERRAMENTO DA CAMPANHA

Com este editorial dou por encerrada a minha longa, porém sempre muito focada na CAMPANHA CONTRA A -GRANDE PRAGA PETISTA/NEOCOMUNISTA-, que deixou um fantástico rastro de destruição por todos os cantos do nosso empobrecido Brasil.

RÁPIDO BALANÇO

Fazendo um rápido e -breve- BALANÇO DA HECATOMBE produzida pela PRAGA PETISTA/NEOCOMUNISTA durante os 14  desastrados anos em que governou (?) o Brasil, eis aí alguns dos tantos ESTRAGOS que estão empilhados e a mostra nos diversos escombros espalhados por todos os cantos do país:

ALGUNS ESTRAGOS

1- o fabuloso ROMBO nas CONTAS PÚBLICAS;

2- inúmeros ATOS DE CORRUPCAO; 

3- milhões de cérebros dilacerados por  dedicada EDUCAÇÃO IDEOLÓGICA e MEDIDAS POPULISTAS ;

4- parte considerável do tecido ECONÔMICO/SOCIAL destruídos, como mostra a queda brutal do PIB e aumento expressivo da taxa de DESEMPREGO; e,

5- emprego da MATRIZ BOLIVARIANA, que levou a Venezuela a miséria total.

METADE DO POVO EXIGE MAIS CATÁSTROFE

Vejam que o terrível estrago produzido pela EDUCAÇÃO IDEOLÓGICA e MEDIDAS POULISTAS nas mentes de grande parte do nosso povo foi muito bem pensado. Só o fato de 40% de eleitores dizerem que vão votar no representante da PRAGA PETISTA/NEOCOMUNISTA, segundo apontam as pesquisas, aí está a prova do quanto estes milhões de brasileiros aprovam os males produzidos pela PRAGA PESTISTA/NEOCUMINISTA. Mais: ainda não estão satisfeitos com os ESTRAGOS. 

COMEMORAÇÃO DA VITÓRIA DE BOLSONARO

Bem, acho melhor parar por aqui, na certeza de que o meu próximo editorial, do dia 29, seja reservado, integralmente, para a COMEMORAÇÃO DA IMPORTANTE VITÓRIA DE JAIR BOLSONARO nas urnas do Brasil todo. A partir daí, mais do que nunca, vamos precisar, além de muito folego, grande serenidade e forte compreensão, Afinal, a remoção dos ESCOMBROS não será tarefa fácil e muito menos de curto prazo. 

TRÊS PRAGAS

Ah, quando já dava por finalizado o editorial, recebi este texto do pensador Roberto Rachewsky, que vem a calhar com o que o que defini como PRAGA DESTRUÍDORA do Brasil. Segundo Rachewsky são TRÊS AS PRAGAS QUE PRECISAM SER COMBATIDAS IMPLACAVELMENTE:


1- EMPRESÁRIOS CORPPORATIVISTAS, que querem proteção do governo para espoliarem seus clientes;
2- TRABALHADORES SINDICALISTAS, que querem proteção do governo para espoliar os empresários, logo os clientes destes; e, a pior delas,
3- O PRÓPRIO GOVERNO, que se presta a isso e sem o qual a espoliação não seria possível.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • PIB EUA

    O PIB dos Estados Unidos cresceu 3,5% no terceiro trimestre de 2018 em relação ao  trimestre anterior, em base anualizada, de acordo com a leitura preliminar divulgada pelo Departamento de Comércio do país. O dado veio levemente acima da previsão dos analistas, que esperavam alta de 3,4% no terceiro trimestre. Além disso, o  crescimento do PIB no segundo trimestre do ano foi confirmado em 4,2%, mesma taxa publicada anteriormente.

     

  • ESPACO PENSAR+

    Eis o artigo do pensador Percival Puggina, com o titulo - QUEM NECESSITA DO PT? :

     Não, não escreverei sobre aquela fração do eleitorado dependente do Bolsa Família e laboriosamente convencida de ser, também, dependente do PT (embora o programa exista por força de lei). Escreverei sobre outros grupos na torcida de Haddad.
    Começo pelo próprio partido do candidato. O PT seria o primeiro e o principal beneficiário de uma vitória petista. Convém, então, que o eleitor se questione. O legado dos 14 anos de petismo no poder é desalentador. Organizações criminosas operaram sem qualquer constrangimento no aparelho de Estado. Os réus são confessos, bilhões são devolvidos e as delações robustecidas por farto material comprobatório. Simultaneamente ao vexame e perda de credibilidade internacional, emergiram o desemprego, a recessão e a instabilidade política. Apesar disso, nenhum arrependimento, nenhuma autocrítica, nenhum pedido de desculpas à nação. Ao contrário, críticas à Lava Jato, recriminações à Justiça em geral e a Sérgio Moro em especial.
    Assim, também aos criminosos, agentes do crime organizado e desorganizado, interessa a eleição do candidato petista. Afinal, o partido defende restrições às penas de prisão e condenações mais breves. É notória sua animosidade em relação às atividades policiais e simétrico zelo em relação aos bandidos. O PT defende desencarceramento, semiaberto, saidinhas, saidões e indultos. É pelo desarmamento, contra a redução da maioridade penal, e sustenta – apesar de toda criminalidade das ruas e estradas – que no Brasil se prende demais. Em Bolsonaro é que os bandidos não vão votar!
    Uma vitória petista interessa muito ao Grupo Globo, que há longo tempo vem proporcionando em novelas, especiais e reportagens o substrato cultural e de costumes necessário à penetração política das ideias de esquerda. Seus atores e celebridades estão sempre disponíveis, ao estalar de dedos do PT, para o que der e vier. Convém ao Brasil, aumentar o poder da Globo? E, no mesmo diapasão, ampliar a influência da Folha, da Veja, da Época, e a fauna da “mídia amiga”, sempre interessada em conversar com Franklin Martins, perito em retribuir apoios?
    Sem similar a qualquer democracia de respeito, estabeleceu-se, com o tempo, uma inequívoca proximidade entre o PT e figuras execráveis da política internacional. Ditadores africanos de Angola, Congo, Zimbabué, Guiné Equatorial, Gabão, Venezuela, Cuba, Nicarágua obtiveram financiamentos privilegiados do BNDES durante os governos petistas. E o recebimento é duvidoso. Eles apreciariam muito a volta do PT ao poder.
    Também os infiltrados no aparelho de Estado, na burocracia federal, nas estatais, torcem pela volta do PT porque isso representará a retomada de sua própria influência. O trabalho de fazer cabeças, manipular a História, preparar militantes de esquerda e fornecer recursos humanos para as carreiras de Estado ganharia novas energias nas salas de aula. Da mesma usina acadêmica saem os difusores da ideologia de gênero e os programas que trazem essa sexualidade pós-moderna, auto-reverse, para crianças confiadas pelos pais ao sistema de ensino! Será que convém atender aos interesses políticos da burocracia e do funcionalismo militante?
    Os eleitores de Bolsonaro, diferentemente, são cidadãos que clamam por paz social, segurança, combate à criminalidade, proteção da infância e da família, preservação dos valores morais, respeito e ordem pública. Desejam apenas viver e trabalhar, com seus direitos fundamentais respeitados, sem serem perturbados pelos agentes do mal e por aqueles que o cultivam.
     

  • PIANO NO MOINHOS SHOPPING

    Um piano de meia-cauda com mais de um século e meio de história e inteiramente revitalizado está à disposição de pianistas e entusiastas do instrumento no Moinhos Shopping, em Porto Alegre . Fabricado pela renomada empresa alemã Schiedmayer, em 1853, o piano foi colocado no terceiro andar do shopping e permanece aberto àqueles que desejam praticar suas peças favoritas, fazendo as notas musicais do instrumento ressoar pelo empreendimento através do átrio que liga os diferentes pavimentos do shopping.

    Com um som límpido, claro, e um excelente toque, o que faz dele um dos modelos favoritos entre os pianistas, o instrumento foi adquirido em 1999 pelo Grupo Zaffari e, neste ano, entrou em forte processo de revitalização em parceria com a Person Piano, empresa gaúcha especializada.  

FRASE DO DIA

O socialismo é a FILOSOFIA do FRACASSO; a PREGAÇÃO da INVEJA; a CRENÇA na IGNORÂNCIA. Seu defeito marcante é a distribuição igualitária da miséria entre todos exceto seus líderes.

Winston Churchill