Artigos Anteriores

AS MANIFESTAÇÕES DE ABRIL

ANO XIV - Nº 007/14 -

BALANÇO

Fazendo um balanço daquilo que aconteceu neste mês de abril, que encerra hoje, mais importante do que a queda da taxa Selic, para 10,25%, sem a menor dúvida foi a reação da sociedade contra a farra das passagens aéreas.

COMPARAÇÃO

Pelos cálculos feitos até agora o rombo promovido pela farra histórica, protagonizada pelos ocupantes de todos os Poderes, não chega e ser tão grande se comparado com outros tipos de fraudes. Nem mais imoral.

REAÇÃO

O fato, no entanto, é que imoralidade não se mede por tamanho. E roubo do dinheiro público também não se mede pelo montante subtraído da população. Independente do tamanho, o que funciona mesmo é a pronta reação da sociedade contra todo o tipo de falcatrua.

CIDADANIA

Quanto maiores forem essas manifestações do povo, menores tendem a ser os abusos praticados pelos seus representantes. Essa muito atrasada demonstração de cidadania começa, enfim, a dar os primeiros passos por aqui.

ATENTOS

Ainda foi uma reação meio tímida. Contudo, ela precisa ser muito festejada pelo grau de efetividade alcançado. A partir de agora, mais do que necessário é ficar muito atento aos desdobramentos que os safados vão protagonizar.

À FORRA

Como já se percebe, muitos políticos ficaram profundamente irritados pelo fato de terem sido flagrados e denunciados pela imprensa. Não foi, portanto, uma atitude de arrependimento. O que basta para imaginar que eles não vão desistir. Eles irão à forra.

ESTADO DE ALERTA

Aliás, para buscar compensação pela perda das vantagens imorais absurdas, vários deputados já expressaram a vontade de discutir, com urgência, um aumento de seus próprios salários. Isso mostra o quanto não se arrependem das safadezas praticadas.Que fique bem claro: não devemos dar às costas para os políticos. Eles nunca perdem tempo. Se o povo se der como satisfeito com as manifestações e reações vitoriosas, mostradas neste mês de abril, a vingança virá com força. A ordem, pois, é permanecer em constante estado de alerta.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • TERCEIRO LUGAR
    Com o a Selic em 10,25% ao ano, o Brasil passou da segunda para a terceira colocação na lista dos países com as maiores taxas de juros reais. A posição não era alcançada desde novembro de 2003.
  • DOANDO VIDA
    Os experientes cozinheiros do Sheraton vão preparar um lanche para lá de especial neste sábado pela manhã. Cerca de 50 kits com suco, sanduíche, batata chips e chocolate vão recompor as energias dos alunos da escola Uruguai, de Porto Alegre. As guloseimas serão distribuídas enquanto eles assistem a peça teatral Fênix! A vida continua..., no GNC Cinemas do Shopping Moinhos. A iniciativa faz parte do projeto ?Doando Vida?, da ONG Via Vida, criado para sensibilizar a população gaúcha sobre a importância da doação de órgãos e tecidos. Além da peça teatral ? que utiliza símbolos para introduzir a idéia de vida, morte, ressurreição e eternidade ?, o projeto \"Doando Vida\" inclui uma mostra fotográfica com imagens em preto e branco de pessoas em fase de pré e pós-transplante. Alguns dos painéis serão expostos no lobby do Sheraton entre 30 de abril e 2 de maio.
  • PANDEMIA
    A OMS (Organização Mundial de Saúde) elevou para grau 5 o alerta da gripe suína, em escala que vai de 1 a 6. Isso significa que, agora, é iminente uma pandemia
  • VOCÊ SABIA...
    ... que o setor de papel e celulose foi responsável por 28% do saldo comercial do país entre janeiro e março? No período, a Balança Comercial brasileira teve superávit de US$ 3,02 bilhões, enquanto o setor teve saldo de US$ 848 milhões. As informações são da Associação Brasileira de Celulose e Papel (Bracelpa).

FRASE DO DIA

Não espere por uma crise para descobrir o que é importante em sua vida.

Desconhecido