Artigos Anteriores

ANUGA 2009

ANO XIV - Nº 007/14 -

PÚBLICO ENORME

Se no ano de 2007 (a feira é bi-anual) o número de visitantes da Anuga chegou a 150 mil pessoas, nesta edição já está praticamente garantido um novo recorde de público. Deve passar de 170 mil, pelo que a organização especula.

TRANSTORNOS

Esta superconcentração de pessoas envolvidas, tanto com a realização quanto com a visitação da Anuga, promove uma série de transtornos e sacrifícios para todos. O bastante para reforçar a necessidade do espírito de tolerância para que todos possam enfrentar as dificuldades que os quatro dias de Feira proporcionam.

LOTAÇÃO COMPLETA

Num raio de 80 km, aproximadamente, envolvendo desde a cidade de Colônia até aquelas mais afastadas, como Dusseldorf, Duisburg, Leverkusen, Essen e Dortmund, por exemplo, as estradas, restaurantes, hotéis, bares, ruas e lojas ficam totalmente lotados e congestionados durante a realização da Anuga.

REDE HOTELEIRA

Por mais que existam hotéis nessas cidades, não há camas suficientes para tanta gente que se repete diariamente na Feira. Com isto muitas famílias aproveitam para alugar suas próprias acomodações para os visitantes, o que produz uma boa renda.

PREÇOS TRIPLICADOS

Leve-se em consideração, também, que por consenso, os empresários da rede hoteleira e similares, aproveitem o evento para faturar mais: preços das diárias, nos quatro dias da Anuga, ficam de três a quatro vezes mais caras. E mesmo assim, a lotação é total.

GRANDE AGLOMERAÇÃO

No ambiente da Feira (koelnmesse), que consta de 11 pavilhões, a aglomeração do púbico é insuportável. Se em Hannover há 30 pavilhões, as pessoas se dispersam muito mais. Aqui, ao contrário, a concentração é muito grande, o que dá a impressão de um público bem maior.

RENO

Como a distância entre a Feira e o centro da cidade de Colônia, onde fica a magnífica Catedral (DOM), é de apenas 500 metros (basta atravessar a ponte sobre o Reno), o movimento de pessoas no local é contínuo, da manhã à noite. Amanhã tem mais sobre Anuga 2009.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • ESTILO BICHO
    Até o dia 20 de outubro, acontece no átrio do Bourbon Shopping Country a exposição Estilo Bicho. Organizada pelo Projeto Bicho de Rua, o evento coloca à mostra Ecobags (bolsas ecológicas) produzidas por personalidades. Durante o evento, os interessados poderão dar lances para aquisição das peças através de um leilão silencioso, depositando suas ofertas pelos objetos em uma urna. Os maiores lances para cada Ecobag garantem a bolsa escolhida.
  • WORKSHOP
    A SOFTSUL, em parceria com a Mylus Gestão de Projetos e Processos, realiza o workshop \\\"Como Estruturar Alianças Empresariais de Sucesso em Tempos de Crise\\\". O evento acontece na sede da SOFTSUL no dia 27 de outubro, das 8h30min às 12h30min. As vagas são limitadas e as inscrições podem ser feitas no site www.softsul.org.br.
  • SETOR IMOBILIÁRIO
    O Instituto Nacional de Estudos Jurídicos - INEJ está com as inscrições abertas para o curso voltado ao setor de Empreendimentos Imobiliários que será realizado nos dias 03, 04 e 05 de novembro. As vagas são limitadas. Informações e inscrições pelo site www.inej.com.br.
  • MEETING DE MARKETING
    Arthur Bender, Presidente da Key Jump e Diretor Geral da Selling, além de Thedy Corrêa, vocalista do grupo Nenhum de Nós, escritor e apresentador, são os painelistas convidados para a edição de outubro do Meeting de Marketing da Federasul, que acontece amanhã, 15, das 12h às 14h. Tema: ?Personal Branding ? construindo sua marca pessoal?.

FRASE DO DIA

PARA FALAR, É PRECISO SABER ESCUTAR.

Plutarco