Artigos Anteriores

AMEAÇA DE BOICOTE

ANO XIV - Nº 007/14 -

ELE SÓ PENSA NAQUILO

O governador Rigotto, infelizmente, não consegue mais pensar de maneira correta. Está tão entusiasmado com a sua candidatura à presidente que está tendo surtos incríveis. Para tentar obter os muito discutíveis recursos da Lei Kandir do governo Federal, fez um brutal terrorismo ao ameaçar com um boicote aos exportadores gaúchos, que além de tudo são aqueles que mais empregam no RS.

EXTERMINADOR

É curiosa e infernal esta disposição de exterminador que paira na cabeça do governador. Por ser antipática e perversa bota mais fogo nas cortinas já incendiadas da economia do RS. E ainda parece convencido de que alguém vai aplaudi-lo. É dose, governador. Para resolver a folha dos servidores o senhor ainda vai acabar com a folha dos empregados da iniciativa privada. Loucura.

FRUSTRAÇÃO

É preciso que todos percebam que, a cada CPI aberta, sempre se renovam as velhas expectativas de que encontramos a grande oportunidade para que tudo seja esclarecido. Como isto nunca aconteceu da forma com que a sociedade imagina, a frustração se repete e se reforça. O problema, gente, é que as denúncias nem sempre conseguem ser provadas, apesar da quebras de sigilos bancário, fiscal e telefônico. O fato é que a esperteza dos denunciados ou acusados é, a cada dia, muito mais efetiva.

MAIS ESPERTOS

É preciso reconhecer que, diante das desconfianças e da possibilidade de haver quebras de sigilos, os criminosos estão ficando, por antecipação, cada vez mais atentos. Por isto, os atos de corrupção exigem dinheiro vivo para não deixar rastros. Assim, por mais indícios sobre a existência de falcatruas, as necessárias provas se tornam mais difíceis, senão impossíveis. Todo mundo até sabe que a fraude existe, mas ninguém consegue prová-la.

NO JUÍZO FINAL

Para que tudo possa ser devidamente esclarecido, e de acordo com a vontade de um povo sempre muito ingênuo, acompanhado do trabalho sempre insuficiente da imprensa e da Justiça, só mesmo quando a ciência descobrir uma forma eficiente de comprovações. Imagino que isto só poderá acontecer pela quebra do sigilo da consciência dos envolvidos. Como nós vivemos na vida real. Enquanto a ciência não conseguir entrar por esta porta da consciência das pessoas, só mesmo o Juízo Final é que produzirá as provas incontestáveis para confirmar as fraudes. Portanto, até lá os espertos continuarão inocentes.

NOVO CÁLCULO DO PIB

O crescimento e a importância da economia informal no Brasil ganhou tanta dimensão que o IBGE resolveu introduzir mudanças para aferição de tudo aquilo que é produzido e vendido por aqui. Hoje, pelo que se imagina, as coisas devem andar no meio a meio, mas nada pode ser afirmado, exatamente por não haver registro na informalidade. Os serviços públicos serão usados mais intensamente para projetar o tamanho do que se faz por baixo dos panos. Daquilo que cada dia é mais real, mais efetivo e não registrado. Tomara que o governo enxergue.

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • DIÁRIO DE NOTÍCIAS
    No próximo dia 10, a partir das 18h30, no Solar dos Câmaras, Porto Alegre, será o lançamento do romance do livro escrito por Celito De Grandi: Diário de Notícias - O romance de um jornal
  • CAMINHADA
    Neste domingo, 09 de outubro, a Frente Pela Legítima Defesa do Rio deJaneiro vai fazer uma caminhada pelo NÃO na praia de Copacabana. O ponto de concentração é em frente ao Hotel Meridien ás 09h30.
  • PRÊMIO AMBIENTAL
    A Aracruz foi a vencedora do Prêmio Findes/Consuma de Meio Ambiente 2005 na categoria Gerenciamento de Resíduos Sólidos, com o projeto \"Aproveitamento de Resíduos Sólidos Industriais\". O objetivo da premiação, criada em 1997, é eleger as ações que visam melhorar a qualidade do meio ambiente em suas atividades produtivas, assim como os reflexos sociais nas comunidades de sua área de influência.
  • CONDENAÇÃO
    O TCE condenou, ontem, 05, por cinco votos a um, o ex-diretor do Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU), Darci Campani, a devolver aos cofres públicos do município de Porto Alegre, R$ 500 mil reais, valores, que corrigidos chegam a quase R$ 1 milhão. A empresa Cores Coletora de Resíduos Sólidos Ltda, que prestava serviço de recolhimento e destinação de lixo na Capital, doou dinheiro para a campanha do então candidato à prefeitura,Tarso Genro, e ao candidato a vereador Darci Campani, ambos do PT. Por lei, as concessionárias do poder público não podem doar dinheiro para campanhas políticas. Viva.
  • PRÊMIO
    Jorge Gerdau Johannpeter, presidente do Grupo Gerdau, recebeu ontem, 5 de outubro, o título Person of The Year 2005 em jantar de gala no no hotel Waldorf Astoria, em Nova York. e disse ser a favor da ALCA. Lula sabe disto?

FRASE DO DIA

O MEIO DE SER ACREDITADO É TORNAR A VERDADE INACREDITÁVEL.

N.Bonaparte