Artigos Anteriores

A HORA DO CAPITAL PRODUTIVO

ANO XIV - Nº 007/14 -

RELATÓRIO DA UNCTAD

Se algum leitor, depois de dois editoriais dedicados para construir um razoável ESCLARECIMENTO sobre as reais razões que levaram  muitos investidores -nacionais e estrangeiros- a RETIRAR DINHEIRO DO BRASIL (ou -DEBANDADA-, como prefere a mídia -felina-), ainda ficou com alguma dúvida, sugiro que leia o RELATÓRIO que a UNCTAD -Conferência das Nações Unidas para o Comércio e Desenvolvimento- divulgou ontem, 20.

DA 6ª PARA 4ª POSIÇÃO EM 2019

Diz o importante estudo que com a ajuda do PROGRAMA DE PRIVATIZAÇÃO de empresas federais o Brasil subiu da 6ª para a 4ª posição entre os principais destinos de investimentos estrangeiros no mundo em 2019. De novo: mesmo levando em conta que as vendas de estatais ao longo de 2019 foram muito tímidas, mesmo assim o Brasil recebeu US$ 75 bilhões em investimentos externos no ano passado, contra US$ 60 bilhões em 2018.

OS MAIORES

Os três primeiros lugares do ranking de destino de investimentos, em 2019, ficaram com: 1- os Estados Unidos, com US$ 251 bilhões; 2- a China, com US$ 140 bilhões, e 3- Cingapura, com US$ 110 bilhões.

Detalhe: os US$ 75 bilhões que chegaram ao Brasil equivalem a mais da metade dos US$ 119 bilhões que a América do Sul recebeu no ano passado. Que tal?

LEILÕES JÁ PROGRAMADOS

Segundo diz o relatório, a considerar a agenda de leilões de privatizações e/ou concessões já programados para o período, em 2020 os desinvestimentos em subsidiárias de companhias estatais do nosso país deverão ganhar muita força.

ÁREA VERDE

Além das privatizações, o relatório da UNCTAD cita os projetos relacionados ao meio ambiente como fatores que ajudarão a elevar os investimentos estrangeiros no Brasil neste ano. “Dados preliminares sobre os investimentos na área verde corroboram essa perspectiva, com o valor dos projetos mais que dobrando, na comparação com 2018, especialmente na energia renovável e na indústria automotiva”.

CAPITAL PRODUTIVO

A propósito: - O IED  -INVESTIMENTO ESTRANGEIRO DIRETO- mede o capital investido por estrangeiros em um país. Ele é considerado por economistas como o "bom investimento", já que os recursos vão para o CAPITAL PRODUTIVO  (construção de fábricas, infraestrutura, empréstimos e fusões e aquisições).

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • A CAIXA NÃO ERA PRETA

    Sem dar a mínima pelota para o que disse lá atrás (2017) o economista, pensador e ex-presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro, no -LIVRO VERDE- que a instituição publicou à época, o Banco gastou R$ 48 milhões com uma auditoria interna para abrir a tal de CAIXA PRETA da estatal.

    Pois, o relatório final da investigação, que durou um ano e 10 meses, não apontou nenhuma irregularidade nas oito operações realizadas com a JBS, grupo Bertin e Eldorado Brasil Celulose entre 2005 e 2018. 

    O valor foi pago ao escritório estrangeiro, o Cleary Gottlieb Steen & Hamilton LLP, que subcontratou outro brasileiro, o Levy & Salomão. A estatal não divulgou quantos funcionários trabalharam na auditoria, nem os critérios para fazer o pagamento pelo trabalho. O relatório tem oito páginas.

    Em entrevista ao Estadão, o ex-presidente do BNDES Paulo Rabello de Castro afirmou que a busca pela abertura da caixa-preta da entidade era loucura.

    É uma busca insana sobre coisa nenhuma, uma espécie de Santo Graal ao contrário, com um filme de Indiana Jones, só que já encheu o saco. (...) Está tudo absolutamente documentado por contratos regidos pela legislação brasileira. Nem um parafuso sai do lugar se não for aprovado. As políticas do BNDES dependem da política do governo — disse, em junho de 2019.

    Paulo Rabello arremata: a minha auditoria (LIVRO VERDE) foi feita em 44 dias com CUSTO ZERO. Que tal?

  • ANIVERSÁRIO DA JIMO

    Hoje, 21, a desde sempre grande parceira do Ponto Critico -  JIMO QUÍMICA INDUSTRIAL LTDA. está de aniversário. Junto com meu forte abraço à família Morandi e sua valorosa equipe desejo que festejem bastante esta data -SEM MODERAÇÃO-. Vida longa com muitas realizações à Jimo. Parabéns!

FRASE DO DIA

O modo como muitos veem os problemas é o maior problema.